Cinema Críticas

Crítica: Why Did You Kill Me? (2021)

Why Did You Kill Me Critica de Cinema

CONTÉM SPOILERS DE WHY DID YOU KILL ME?!

Como mencionado noutras críticas, a Netflix tem apostado de forma constante em histórias de true crime e, sendo um ávido consumidor do género, Why Did You Kill Me? não podia deixar de pertencer à minha lista de must watch da semana. Esta é a história de Belinda Theobald, que presenciou o homicídio da sua filha Crystal em plena estrada a sair da sua casa. Após o ritmo das autoridades não ser do agrado da mesma, Belinda decide fazer justiça pelas suas próprias “mãos” e pede auxílio à sua sobrinha Jaimie para criar um perfil na rede social MySpace para desvendar pistas sobre os envolvidos com o homicídio, que tudo indica foi obra de um gangue.

Why Did You Kill Me Critica de Cinema

Why Did You Kill Me? é um produto de true crime feito algo para massas, com uma leveza problemática e que age como um mecanismo óbvio de comercializar um género de cinema em ascensão. A verdade é que este é um daqueles exercícios que, por muito bem intencionado que seja, não traz nada de praticamente novo ao panorama já existente, nem consegue agir como uma novidade em termos criativos. Realizado por Fredrick Munk, Why Did You Kill Me? acaba por ser bastante genérico na sua avaliação do caso e dos intervenientes, resumindo todas as linhas de história que podiam ter sido seguidas com maior coesão e consistência. Embora possa agradar a muitos que procuram um filme para se entreterem durante uma hora e pouco, Why Did You Kill Me? começa a revelar algumas fragilidades da Netflix em ir a fundo para realçar as emoções difíceis em torno da morte de alguém, procurando monopolizar todo o tipo de conteúdo e fazer uma aproximação superficial do sofrimento das pessoas que estão de luto.

Ainda que cumpra o objetivo de entreter, o true crime é um género de cinema e televisão que necessita obrigatoriamente de um fio condutor mais preciso e substancial para que o espectador entenda o quão necessária esta história é para o mundo e aquilo que ela representa para a comunidade afetada. Por muito que Why Did You Kill Me? procure alcançar este objetivo, ele não chega com a dimensão que devia, reduzindo-se a meros participantes que nas suas palavras pouco ou nada contribuíram para o desenvolvimento do caso de Crystal e a umas recriações do MySpace para efeitos dramáticos penosos. É inofensivo, sim, mas para quem avalia true crime a uma base quase semanal, Why Did You Kill Me? acaba por ser uma pedra no sapato, porque não tem uma estrutura envolvente nem revela capacidade artística de exposição da história. Talvez se optasse por explorar as vantagens e desvantagens da utilização de uma rede social de forma manipuladora pudesse dar um pouco mais de vida ao filme; tal como ir mais a fundo no passado problemático da família da vítima.

Why Did You Kill Me Critica de Cinema

Não quero dizer que este não seja um filme mau, mas não tem a capacidade de prender o espectador e de revelar a mágoa deixada pela perda de um ente querido com a sensibilidade que seria necessária. Não deixa de ser um objeto de entretenimento que, de facto, entretém, mas não passa disso. Pelo menos a justiça por Crystal foi feita, e que esta tenha sido uma lição a todos os intervenientes do caso, sejam eles familiares ou os próprios homicidas que se envolveram neste ato cruel e repreensível, e que sejam desmantelados estes gangues problemáticos que aterrorizam as ruas e agem como se fossem os donos do mundo.

Leiam outras Críticas aqui.

Título: Porque Me Mataste?

Título Original: Why Did You Kill Me?

Realização: Fredrick Munk

Duração: 84 min.

Trailer | Why Did You Kill Me?

Comments