Mini-Reviews TV TV

Genius – Season Finale – 3ª Temporada

Genius Season Finale

CONTÉM SPOILERS DE GENIUS!

Depois de duas temporadas amenas, Genius está de volta e, desta vez, acompanhamos a ascensão de um dos maiores vultos da música, sob a forma da magistral Aretha Franklin, autora dos temas Respect e I Say a Little Prayer. Franklin é considerada a “rainha do soul” e, nesta temporada, Cynthia Erivo dá vida a esta cantora que teve uma carreira invejável e que deixou uma marca profunda no progresso da música a nível mundial, conquistando um público vasto pela sua naturalidade e confiança. Em Genius, vamos conhecer o lado mais sensível, mais trabalhador e mais desconhecido desta diva que nos deixou em 2018.

Genius Season Finale
L to R: Cynthia Erivo as Aretha Franklin, Rebecca Naomi Jones as Carolyn Franklin and Patrice Covington as Erma Franklin in National Geographic’s GENIUS: ARETHA. (Credit: National Geographic/Richard DuCree)

O MELHOR:

Genius finalmente consegue acertar na maioria das notas essenciais para cativar durante toda a sua temporada.

Apesar do formato de lançamento da National Geographic ser cansativo (episódios duplos durante quatro noites seguidas), Genius reformula a sua estética e deixa de lado as arestas argumentativas que condenaram as suas temporadas anteriores. Mesmo que a vida romântica de Aretha seja extremamente diferente do habitual na série, pelo menos não assumiu as rédeas narrativas, já que Erivo domina todos os momentos em que surge no ecrã, apoiando-se no processo criativo da artista e dando asas à sua belíssima voz numa homenagem sentida à cantora. O restante elenco também cumpre com as exigências dos seus papéis, em especial Courtney B. Vance que, aqui, interpreta o pai de Aretha.

Há também umas liberdades artísticas interessantes, onde a realização abdica da cor constante e escurece os flashbacks da vida atribulada da cantora, utilizando o preto e branco para reforçar momentos passados que, de facto, merecem ficar na sombra de uma carreira brilhante. Ao retirar Kenneth Biller, o criador, do panorama, Genius traz sangue fresco e que consegue encontrar a sensibilidade do seu objeto de estudo, fazendo com que a série ganhe novo charme e que se desprenda da estrutura saturante das temporadas anteriores. E, mesmo que não seja tudo perfeito, Genius consegue atribuir um ar muito doce, sentido e ternurento à forma como Aretha se comporta nas suas relações pessoais e na sua dedicação à música, melhorando o envolvimento do público com a série.

Genius Season Finale

O PIOR:

Apesar de ser uma grande melhoria, Genius ainda tem alguns senãos a melhorar.

Ao querer fazer um tratamento detalhado da carreira de Aretha Franklin, é previsível que se negligencie algumas questões. Para que o público se agarrasse mais à figura notória da diva, era importante salientar o impacto que a mesma teve no meio em que se insere, já que foi uma mulher que lutou pelos direitos humanos e contra a opressão racial, sendo isto um dos pontos que deveria ter sido abordado com maior profundidade e, por exemplo, omitir alguns flashbacks que não contribuíram muito para o desenvolvimento da história.

O facto de ser uma adaptação biográfica permite algumas liberdades em torno da longa e atribulada vida do objeto de estudo. Enquanto que nas temporadas anteriores, Biller insistia na vida amorosa tanto de Einstein como de Picasso, já esta temporada de Genius continua ainda a não saber bem fazer uma seleção daquilo que se torna essencial e o que é opcional em incluir nos episódios. Há uma dramatização constante de pormenores quando há muito mais por onde explorar e que enriqueceria a série para não parecer tão afunilada na sua visão. Aretha Franklin é e será sempre uma figura histórica de um valor imensurável e, por muito doce que seja esta abordagem, podia ser ainda melhor se o espectador tivesse uma visão mais ampla do impacto em termos humanos desta rainha que inspirou tantos e encantou os restantes.

Ficaremos a aguardar qual será o foco da próxima temporada de Genius, ficando satisfeitos com as melhorias e torcendo para que a série continue a progredir.

Genius Season Finale

Estado da Série: RENOVADA

Leiam outras Mini-Reviews aqui.

0 75 100 1

75%
Average Rating

Genius traz Aretha Franklin para o estrelato e o sucesso é garantido, já que a série conseguiu trazer sangue fresco para a equipa e removeu com a estética saturante e abordagem cliché dos génios mais influentes da história da humanidade. Ainda assim, precisa de limar umas arestas e tomar umas opções mais conscientes daquilo que deve abordar.

  • 75%

Comments