Mini-Reviews TV TV

Your Honor – Series Finale – 1ª Temporada

Your Honor Series Finale

CONTÉM SPOILERS DE YOUR HONOR!

Bryan Cranston já há muito que pedia o seu regresso à televisão. O icónico ator de Breaking Bad tornou-se um vulto de sucesso no ramo da sétima arte, e angaria todos anos inúmeros fãs que procuram um novo trabalho televisivo do ator. Your Honor é a sua mais recente minissérie, adaptada de uma série israelita do mesmo nome, e que acompanha a história de Michael Desiato, um juiz profissional, que se vê forçado a ir contra os seus deveres e doutrinas, para tentar evitar que o seu filho Adam vá parar à prisão após ter acidentalmente morto o filho de um temível chefe da máfia, de nome Jimmy Baxter.

Your Honor Series Finale
Bryan Cranston as Michael Desiato in YOUR HONOR, “Part Two”. Photo Credit: Skip Bolen/SHOWTIME.

O MELHOR:

Cranston é, de facto, uma força da natureza.

Toda a ação que decorre ao longo de Your Honor consegue prender-nos a atenção devido à performance do ator, para além de um elenco secundário talentoso, encabeçado por Michael Stuhlbarg. Todo o esforço do elenco acaba por salvar Your Honor de ser um exercício medíocre e feito propositadamente para massas, que se estica até à exaustão e perde força à medida que progride. A premissa questionável deste exercício televisivo, força os atores a terem de sobressair perante a história em que estão inseridos, que acabam por levitar um pouco das decisões menos boas tomadas ao longo dos episódios.

É de realçar também que Your Honor acaba por trazer uma diversidade de situações que, por muito dúbias que sejam, acabam por entreter modestamente, mas que não conseguem ser suficientemente credíveis e boas para nos deixar totalmente convencidos com o resultado final.

Your Honor Series Finale

O PIOR:

Your Honor é um exercício extremamente longo sem necessidade e um que não eleva a carreira do seu elenco em quase nenhuma circunstância.

Your Honor é um daqueles casos que não teria de se expandir por muitos episódios, especialmente porque a narrativa é esticada até à exaustão e o espectador que estava atento inicialmente começa a sentir-se fatigado com a exploração baça e sem grande entusiasmo das suas personagens. Se não tivesse Bryan Cranston, Your Honor era facilmente esquecível. A verdade é que as próprias intenções da série são questionáveis, não só do ponto de vista político-social, como também pela posição que os argumentistas adotam de tentarem enaltecer o privilégio caucasiano com toques muito óbvios e de romperem com o suspense que advém da enrascada em que Michael e o seu filho Adam se encontram.

E falando de Adam, este facilmente ganharia o troféu da personagem mais irritante da televisão do ano, sendo que é o objeto que os argumentistas usam para prolongarem arestas narrativas que culminam numa novela sem interesse e afogada em pretensiosismos desnecessários. É caso para reconhecer que o estudo de personagens que é feito é um que acaba por não trazer significativamente nada de novo para a televisão e perde força por entrelaçar as personagens de forma óbvia e propositada, removendo qualquer tipo de traço natural entre as suas interações. A certa altura, Your Honor acaba por acrescentar linhas de história (que não chegam a lado nenhum) apenas para prolongar a sua duração, fazendo com que o espectador acabe por se sentir fatigado e revoltado com a ausência de criatividade da sua equipa de argumentistas.

Portanto, Your Honor é uma desilusão gigantesca, que utiliza um elenco talentoso para um registo televisivo que é pobre em moral, pobre em inovação e pobre em marcar pela diferença, quando as suas ambições eram claramente essas.

Your Honor Series Finale
Michael Stuhlbarg as Jimmy Baxter in YOUR HONOR, “Part Two”. Photo Credit: Skip Bolen/SHOWTIME.

Estado da Série: TERMINADA

Leiam outras Mini-Reviews aqui.

0 48 100 1
48%
Average Rating

Your Honor é um registo muito pouco credível, de uma história que acaba por ser mais novela do que propriamente uma minissérie de televisão cativante, mesmo com os esforços de Bryan Cranston que consegue elevá-la ligeiramente.

  • 48%

Comments