Cinema Críticas

Crítica: A Nice Girl Like You (2020)

A Nice Girl Like You Critica de Cinema

CONTÉM SPOILERS DE A NICE GIRL LIKE YOU!

Lucy é uma violinista dedicada e uma que tem alguns problemas… debaixo dos lençóis. É um pouco inibida em termos de “apimentar” a sua vida íntima e o seu namorado está cansado de Lucy não ser um pouco mais atrevida e ousada na cama. Depois de terem terminado, Lucy decide fazer uma lista de aspetos que a podem melhorar nesses termos e conhece um sedutor jovem que pode ser a sua salvação. A Nice Girl Like You é uma comédia romântica realizada pelo irmãos Riedell e é um exercício extremamente banal e sem grande criatividade, que tem um momento ou outro engraçado mas que a longo prazo não conquista.

A Nice Girl Like You Critica de Cinema

As comédias românticas que pretendem atingir a camada mais jovem, têm tendência a cair em certos clichés que infelizmente não mudam para trazer algo de mais refrescante. A Nice Girl Like You é um filme muito pobre a todos os níveis, ainda que a paixão pela música da protagonista consiga salvá-lo nalgumas sequências. Mas não são suficientes para o elevar a algo de superior. A realização e o argumento são tão vulgares e banais que nada nos consegue cativar e faz com que a película se torne repetitiva e que careça de uma mensagem mais simples e singular. Ainda que Lucy Hale seja uma protagonista carismática dentro do género, e a prova disso foi a recentemente cancelada Katy Keene, todo o produto final de A Nice Girl Like You é reduzido a algo que ficaria bem melhor se agisse como um episódio de uma série adolescente e não uma longa-metragem.

Acabamos por estar a ver algo muito comum e o humor não consegue atingir as proporções que ambiciona, nunca sabendo bem se está a transgredir certos limites ou não, retraindo-se muitas vezes com medo de ferir suscetibilidades. Esta abordagem tão leve de algo que implica um pouco mais de ousadia faz com que A Nice Girl Like You seja um exercício como muitos outros de um género que precisa de encontrar ainda a coragem para marcar pela diferença. Ainda que possa ser para muitos um bom filme de domingo à tarde, para mim é apenas mais um desperdício de tempo que não consegue aproveitar as características mais interessantes da sua narrativa e dos seus atributos no elenco. Portanto, A Nice Girl Like You é esquecível, pouco envolvente e não tem garra suficiente para nos deixar totalmente imersos na sua frágil abordagem.

A Nice Girl Like You Critica de Cinema

É daquelas comédias românticas que se vê por se ver e que pretende apenas lucrar uns trocos com uma história que não tem nada de novo para oferecer e que não consegue ser “excitante” o suficiente para nos manter investidos na sua duração. Ainda que possa ser entretenimento fácil, é cinema que é baço e pouco motivador, constrangido numa temática em que não o devia ser. Para isso, vejam o documentário Até Que o Porno Nos Separe que é bem mais elucidativo nalgumas questões que são abordadas em A Nice Girl Like You e traz uma visão bem mais transparente sobre o que é ser-se púdico e ser-se aberto a novas experiências.

Leiam outras Críticas aqui.

Título: Uma Rapariga Simpática Como Tu

Título Original: A Nice Girl Like You

Realização: Chris Riedell & Nick Riedell

Elenco: Lucy Hale, Mindy Cohn, Jackie Cruz, Leonidas Gulaptis, Adhir Kalyan, Stephen Friedrich, Skye P. Marshall.

Duração: 94 min.

Trailer | A Nice Girl Like You

Comments