Cinema Críticas

Crítica: The Land Before Time (1988)

The Land Before Time Critica de Cinema

CONTÉM SPOILERS DE THE LAND BEFORE TIME!

Há filmes que nos marcam para a vida. Filmes que acabam por ficar esquecidos porque não pertencem a nenhuma produtora (na altura) famosa como a Disney. Filmes que têm uma mensagem maravilhosa e que definem uma geração. The Land Before Time, ou com o título português Em Busca do Vale Encantado, é um desses clássicos. É um filme que tenho um apreço especial, já que foi um dos primeiros de animação com que tive contacto enquanto era criança. Ensinou-me o que é ter esperança, o valor e peso da amizade, dos perigos que me rodeiam e, claro, o meu grande amor por animais. The Land Before Time é um clássico intemporal realizado por Don Bluth, que segue as aventuras de Pezinho, um brontossauro bebé, que perde a sua mãe numa idade muito jovem, que tem de chegar ao Vale Encantado para se reunir com a sua família. E ele não está sozinho, fazendo amigos maravilhosos pelo caminho que também estão perdidos da sua família e, juntos, formam uma união poderosa e enfrentam os perigos mais assustadores até chegarem ao seu objetivo.

The Land Before Time Critica de Cinema

Parece que ainda tenho o tema musical de abertura a pairar na minha mente, criado pelo extraordinário James Horner. The Land Before Time é um filme que tem toda uma mística sombria e ganha cor pela ingenuidade e inocência das suas personagens mais pequenas, que são absolutamente adoráveis. É inquestionavelmente um produto que nos faz refletir sobre o poder inequívoco da amizade e da forma como ela nos ajuda a crescer no meio mais incerto. É uma jornada sobre maturação, sacrifício, perda e esperança. É todo um conto fabuloso que viveu sempre ofuscado pelo colossal impacto da Disney e da manipulação das suas histórias para agarrar o público mais jovem. Não se deixem enganar pela simplicidade da sua história, já que The Land Before Time é bastante negro e não trata com leveza o perigo que os nossos amorosos dinossauros enfrentam.

A construção das personagens é onde o filme brilha, utilizando peculiaridades distintas para cada uma, e complementando com um humor adorável e comportamentos de revolta típicos da idade. É precisamente por retratar o crescimento de forma dura que The Land Before Time ganha em relação a muitos filmes animados de agora. Com uma duração curtinha e uma mensagem que transcende o tempo, este é aquele clássico que merece ser revisto em família e que serve para educar as crianças de agora face ao mundo que irão enfrentar amanhã. Utilizando os dinossauros como veículo primário da sua mensagem, faz com que as crianças criem uma ligação mais forte com os animais e um contacto com a história natural do planeta e dos seus antigos habitantes, levando a uma consciencialização e sentimento de proteção dos habitantes de agora.

The Land Before Time Critica de Cinema

É difícil não resistirmos a algo que está tão marcado no tempo e que nos influenciou tanto. Um simples produto de cinema que contém em si tanto ensinamento e tanta lição moral. Mesmo que possa não ser para o gosto de muitos, The Land Before Time é um filme  que usa uma animação tradicional e que, por conseguinte, permite que o filme consiga manobrar a intensidade dos momentos e na criação de personagens diversificadas que, se fossem recriadas em 3D, não teriam o mesmo impacto. É, portanto, um clássico mágico e que não tem medo de assustar as novas gerações e revelar-lhes todo um mundo de medo e perigo e que, mesmo nessas adversidades, há sempre espaço para encontrarmos conforto, sentir o calor dos valores mais puros que tornam humanos, e celebrar aquela parte mais aventureira e genuína que nos compõe.

Leiam outras Críticas aqui.

Título: Em Busca do Vale Encantado

Título Original: The Land Before Time

Realização: Don Bluth

Elenco: Judith Barsi, Pat Hingle, Gabriel Damon, Helen Shaver, Bill Erwin, Burke Byrnes, Candace Hutson, Will Ryan.

Duração: 69 min.

Trailer | The Land Before Time

Comments