Cinema Críticas

Crítica: Escape from Pretoria (2020)

Escape from Pretoria Critica de Cinema

CONTÉM SPOILERS DE ESCAPE FROM PRETORIA!

Daniel Radcliffe tem diversificado os seus papéis desde que ficou acarinhado pelo mundo como o mais famoso feiticeiro do cinema e da literatura Harry Potter. Em Imperium, infiltrou-se numa rede terrorista neonazi, e agora em Escape from Pretoria dispara com o nosso sistema nervoso em flecha ao escapar de uma prisão. Dois “criminosos” políticos são apreendidos e encarcerados na prisão de Pretoria após manifestarem o seu descontentamento face ao apartheid na África do Sul. Durante anos eles preparam a sua fuga da prisão onde se encontram através de mecanismos práticos, especialmente a criação de chaves de madeira para o feito.

Escape from Pretoria Critica de Cinema

Escape from Pretoria é um filme genuíno e extremamente cativante. É uma surpresa agradável, baseado numa história verídica comovente, e que tem a dose de adrenalina que precisávamos para nos sentirmos deliciados pela maravilha do entretenimento. Claro que tem falhas, já que o seu estilo amador de filmagem muitas vezes quebra o ritmo e o desenvolvimento de algumas personagens acaba por ficar esquecido em detrimento de um bem maior. Obviamente que são entraves que o impedem de ser uma obra-prima, mas nem por isso estragam na totalidade a génese do filme. Radcliffe é carismático e lidera com garra este Prison Break mais modesto e sem grandes exageros.

Francis Annan acaba por criar um filme que nos faz suar tanto quanto as personagens que tentam escapar das atrocidades dos guardas prisionais de Pretoria e faz-nos partilhar a sua dedicação, agarrando-nos a atenção quase que instintivamente. É algo de especial e que o torna mais apetecível, especialmente por não abrandar nos momentos de tensão. Mesmo que não seja um Papillon ou The Great Escape, Escape from Pretoria é um produto inteligente e que manobra as suas situações com clareza, intensidade e carisma. É talvez por nos fazer recordar destes clássicos que sabemos que as intenções da película são puras e que proporcionam um serão muito prazeroso de cinema em família.

Escape from Pretoria Critica de Cinema

A contextualização política devia também ser melhor explorada, e se calhar um pouco mais de agressividade não era uma má opção, para que o público se conseguisse relacionar mais emocionalmente com as personagens. No entanto, Escape from Pretoria tem um objetivo claro: fazer-nos roer as unhas das mãos e dos pés e torcer por protagonistas que sabemos terem o coração no sítio certo. E, neste aspeto, o filme triunfa de uma forma brilhante, deixando uma marca significativa e torcendo para que Daniel Radcliffe continue a inovar e a diversificar o seu contributo para a 7ª Arte.

Leiam outras Críticas aqui.

Título: Fuga de Pretoria

Título Original: Escape from Pretoria

Realização: Francis Annan

Elenco: Daniel Radcliffe, Daniel Webber, Ian Hart, Mark Leonard Winter, Nathan Page, Grant Piro, Lenny Firth.

Duração: 105 min.

Trailer | Escape from Pretoria

Comments