Cinema Críticas

Crítica: Happiest Season (2020)

Happiest Season Critica de Cinema

CONTÉM SPOILERS DE HAPPIEST SEASON!

Depois de um comovente Uncle Frank, o novo filme LGBTQ+ desta semana volta a colocar esta temática na ribalta e de forma surpreendentemente cativante. Happiest Season foca-se na jovem Abby que pretende pedir em casamento a sua namorada durante a época natalícia, mas a sua namorada ainda não se assumiu perante a sua família e o que prometia ser um serão de amor, logo se torna num pesadelo.

Happiest Season Critica de Cinema

Happiest Season, tal como Uncle Frank, sofre dos mesmos clichés. Ambos os filmes são ternurentos e têm uma missão importantíssima, mas regem-se por uma familiaridade já bastante saturada no cinema. No entanto, nunca é demais apreciarmos este tipo de cinema com o coração no sítio certo. Happiest Season é realizado pela atriz Clea DuVall e tem aspetos muito adoráveis, com um humor subtil e um enredo simples e que nos deixa investidos durante a sua duração. Até mesmo as prestações são agradáveis e os haters de Kristen Stewart podem trancar a sua performance em Twilight numa gaveta porque ela não é má atriz. Todos os atores têm em fases em que o sucesso monetário fala mais alto do que pensar sempre em filmes com conteúdo… sobreviver em Hollywood também tem destas coisas; projetos menos bons e atuações menos boas em prol de termos dinheiro para comer e viver.

Happiest Season tem toda uma estrutura formulaica de filme natalício, para além de ser uma comédia romântica com uma mensagem que, felizmente, não encaixa na heteronormatividade. E talvez este e a construção das personagens seja o maior trunfo do filme. Claro que muitas delas acabam por ser negligenciadas pelo destaque óbvio das protagonistas e no retrato do conservadorismo da família de Harper, mas há que tomar certas escolhas de forma a não dispersar na temática e Happiest Season acaba por conquistar nesse prisma, ainda que o pudesse explorar com um pouco mais de profundidade.

Happiest Season Critica de Cinema

Mas acima de qualquer outro aspeto, Happiest Season é um filme que tem todos os melhores aspetos de um filme natalício e tem humor suficiente para nos manter cativados, para além de uma doce apresentação de personagens secundárias que, quer se goste ou não, ajudam a criar aquele final cliché adorável que todos gostamos de ver. Pode não ser um conto de fadas extraordinário, mas é competente em deixar-nos com a lágrima no canto do olho, e um que pode marcar sempre pela diferença. E cinema de intervenção e de aceitação, é uma arte que nem sempre é apreciada da melhor forma.

Leiam outras Críticas aqui.

Título: A Época Mais Feliz

Título Original: Happiest Season

Realização: Clea DuVall

Elenco: Kristen Stewart, Mackenzie Davis, Mary Steenburgen, Victor Garber, Alison Brie, Mary Holland, Dan Levy, Burl Moseley, Aubrey Plaza, Jake McDorman, Ana Gasteyer.

Duração: 101 min.

Trailer | Happiest Season

Comments