Cinema Críticas

Crítica: Rebecca (2020)

Rebecca Critica de Cinema

CONTÉM SPOILERS DE REBECCA!

Eis o problema de avaliar estes remakes de obras clássicas: é extremamente complicado quando não se tem conhecimento do clássico, quando a sensação que dá é que o remake é penoso e pobre e sem grande vida. Rebecca acompanha a história de uma jovem que se apaixona perdidamente por um magnata britânico e decidem casar rapidamente. Ao mudar-se para a mansão, é atormentada pela governanta e pela memória da antiga esposa do seu atual marido que perdeu misteriosamente a vida.

Rebecca Critica de Cinema

Rebecca é aparentemente uma adaptação do filme de 1940 de Alfred Hitchcock com o mesmo nome. Não tendo background sobre o filme que lhe deu origem, terei de me cingir a falar apenas deste Rebecca. A verdade é que há realizadores que são talhados para determinado género e não conseguem captar a essência ou acrescentar o devido toque moderno a uma história tão vincada no tempo antigo como a obra de Daphne Du Maurier. Ben Wheatley assume as rédeas deste remake e fá-lo de forma pomposa, pouco elucidativa e exageradamente plástica. Enquanto que Armie Hammer cumpre as suas funções como o misterioso Maxim de Winter, já Lily James absorve uma identidade totalmente vulgar, pouco coerente e desnecessariamente superficial.

O overacting da atriz faz com que Rebecca seja um suplício de acompanhar durante a sua longa duração. Para além disso, as personagens secundárias estão reduzidas a papéis funcionais e sem grande desenvolvimento, tornando o filme ainda mais penoso. Ter uma boa equipa técnica por trás de cenários graciosos e algumas imagens “abonitadas” com filtros de Instagram não são suficientes para salvar uma película do desastre. A verdade é que não é a altura certa para adaptar algo que está tão enraizado numa época em que filmes do género surgem às quatro pancadas. Rebecca tem graves problemas em manter-se linear e conciso na abordagem da sua história, empanturra-se de momentos desnecessários para preencher tempo de antena e infantiliza algo que está marcado na história da literatura e do cinema.

Rebecca Critica de Cinema

A tensão e a atmosfera sombria, misteriosa e imprevisível é constantemente quebrada por dilemas de menor importância, para além de diálogos cliché e pouco substanciais. O facto de Rebecca não conseguir enquadrar o espectador com as personagens que aborda, nem de atribuir alguma característica única ao significado da titular do filme leva-o a ser algo sem objetivo. E quando o cinema não tem objetivo, perde o seu interesse. Não há uma mensagem a reter de Rebecca que já não conheçamos e é pena que um remake tão ansiado se tenha tornado em algo tão banal.

Leiam outras Críticas aqui.

Título: Rebecca

Título Original: Rebecca

Realização: Ben Wheatley

Elenco: Lily James, Armie Hammer, Kristin Scott Thomas, Ann Dowd, Lucy Russell, Tom Goodman-Hill, Sam Riley.

Duração: 121 min.

Trailer | Rebecca

Comments