Cinema Críticas

Crítica: Clouds (2020)

Clouds Critica de Cinema

CONTÉM SPOILERS DE CLOUDS!

Nunca fui propriamente muito fã de tearjerkers e da manipulação barata de emoções… no entanto, há sempre um caso que me rouba as lágrimas e me derrete o coração. Rendi-me a The Fault in Our Stars (e à sua versão indiana Dil Bechara) e agora estou a utilizar os lenços para me colocar minimamente decente para escrever a crítica de Clouds. Proveniente da Disney+, Clouds conta a inspiradora história verídica de Zach Sobiech, um jovem a quem foi diagnosticado um raro cancro ósseo e que tem apenas alguns meses de vida, e da sua luta diária para alcançar os seus sonhos de ser um artista musical. Com a ajuda da sua melhor amiga Sammy, da sua dedicada família e da sua crush adolescente Amy, Zach tenta aproveitar o melhor que a vida tem para lhe proporcionar por tempo muito limitado.

Clouds Critica de Cinema

Clouds é a receita perfeita para despejarmos todas as nossas frustrações emocionais. É tão adorável quanto é banal, cliché e vulgar. Mas é um filme que não pode ser ignorado… e porquê? Porque é doce na transmissão da sua mensagem e conta com um elenco fabuloso liderado por Fin Argus que conquista a todos os momentos. Claro que é um filme manipulador, mas que tipo de cinema não o é na verdade? Clouds pode não ser nada original e criativo, mas tem o coração no sítio certo que nos atinge como uma bala.

Era desnecessário sob o olhar de Justin Baldoni (sim, o Rafael de Jane The Virgin é realizador!) uma duração tão extensa para um filme tão direto, mas entende-se que a ideia principal é tentar dar o máximo de antena possível ao jovem que mudou o seu mundo em pouco tempo. Clouds é também um filme que não sabe trabalhar totalmente bem as personagens secundárias, mas não deixa de as tornar ainda mais doces aos nossos olhos por todo o investimento que fazem para alegrar a vida de Zach. Chateia-me imenso gostar tanto de algo que é tão manipulador do espectador e tão já cliché no cinema, mas estas histórias, confesso, comovem-me e não consigo ignorar como ser humano os sentimentos que este tipo de narrativas me causa.

Clouds Critica de Cinema

Clouds é precisamente isso: uma história bonita com um final trágico que é previsível, sem grandes mudanças daquilo que já conhecem, mas tem as intenções no sítio certo e, por vezes, não é preciso muito para nos sentirmos conquistados. Por vezes é pela história, outras é pelas personagens, mas em Clouds é mesmo pelo coração enorme de todos os envolvidos na história de Zach Sobiech e da sua bonita tentativa de melhorar o mundo com tão pouco tempo de vida.

Fica aqui um miminho de domingo, deliciem-se com a versão original de Clouds:

Leiam outras Críticas aqui.

Título: Nuvens

Título Original: Clouds

Realização: Justin Baldoni

Elenco: Fin Argus, Sabrina Carpenter, Madison Iseman, Neve Campbell, Tom Everett Scott, Lil Rel Howery.

Duração: 121 min.

Trailer | Clouds

Comments