Mini-Reviews TV TV

Jurassic World: Camp Cretaceous – Season Finale – 1ª Temporada

Camp Cretaceous Season Finale

CONTÉM SPOILERS DE JURASSIC WORLD: CAMP CRETACEOUS!

A Netflix lançou uma série animada focada no já famoso franchise de Jurassic Park. Jurassic World: Camp Cretaceous é, tal como o nome indica, um acampamento de verão sediado no centro do parque de dinossauros Jurassic World. Aqui, os jovens fazem atividades radicais e podem fazê-lo ao lado dos mais possantes e magníficos seres pré-históricos que conhecemos até então. Depois da fuga de um Indominous Rex, Darius, Ben, Yaz, Brooklynn, Kenji e Sammy precisam de encontrar refúgio de todas as ameaças, agora soltas do parque, e descobrir uma forma de chegarem às docas para serem evacuados.

Camp Cretaceous Season Finale

O MELHOR:

Jurassic World: Camp Cretaceous é um capítulo adorável e uma entrada algo invulgar neste franchise.

Sou um fã incondicional do clássico de Steven Spielberg e todas as suas sequelas, sejam elas boas ou menos boas, são um guilty pleasure gigantesco para mim. Quem não gosta de sentir a adrenalina de ver dinossauros e de ver as coisas a correrem assim tão mal? É inquestionavelmente algo que nos deixa sempre a roer as unhas.

Camp Cretaceous foca-se num grupo de personagens adoráveis e, por mais incrível que pareça, a sua narrativa não é assim tão desintegrada (ainda que extremamente infantilizada) da essência que são as aventuras dos filmes em live-action. Claro que a comparação direta é quase impossível, mas a verdade é que Camp Cretaceous incute umas características novas dentro daquilo que já conhecemos (DINOSSAUROS BIOLUMINESCENTES, GENTE!) e adorna a narrativa com os valores adolescentes mais importantes de todos.

Tem também uma banda-sonora bastante cativante que, não só recupera os temas que já conhecemos, como também atua nos momentos-chave para nos proporcionar situações cativantes e empolgantes. Mas a verdade é que Camp Cretaceous tem algo de muito aligeirado e insere-se num meio muito pouco apropriado para a camada jovem e, de alguma forma, a sua animação remove a seriedade da temática.

Camp Cretaceous Season Finale

O PIOR:

Tal como mencionado acima, Camp Cretaceous tem uma animação pouco usual e que não encaixa no universo em que se insere.

Estamos constantemente a ver crianças a serem devoradas nas garras de dinossauros famintos (ou raivosos, como quiserem chamar) e há todo um problema gigantesco em não transpor a violência que é necessária para o público. É quase como termos uma versão animada e (ainda mais) aligeirada de The Walking Dead em que não vemos as tripas a serem comidas, ou nos continuarmos a vangloriar acima daquilo que nunca conseguimos controlar. A própria animação de Camp Cretaceous não tem um impacto assim tão grande no público, já que opta por um 3D pouco emotivo, ainda que o design dos dinossauros estejam extremamente interessantes.

Para além disto, Camp Cretaceous infantiliza demasiado uma temática que deve ser levada com um certo nível de seriedade. Talvez se fosse, de facto, em live-action, o impacto e o suspense surtissem mais efeito. Dado que a história acaba por ter um fator dramático ainda forte – para além de muito humor delicioso pelo meio – Camp Cretaceous tinha a obrigação de ser um pouco mais agressiva no retrato e exposição da morte repentina. O “tentar agradar a uma camada jovem” é perigoso e remove a sensação natural do perigo e retira realismo às sequências que são apresentadas.

Ainda assim, não deixa de ser uma aventura engraçada para se ver em família e um guilty pleasure que tem a quantidade de dinossauros suficiente para nos deixar maravilhados.

Camp Cretaceous Season Finale

Estado da Série: RENOVADA

Leiam outras Mini-Reviews aqui.

0 60 100 1

60%
Average Rating

Jurassic World: Camp Cretaceous tem as doses certas de aventura para ser vista em família, mas o seu tipo de animação e a sua génese infantilizada removem uma certa seriedade necessária e realismo.

  • 60%

Comments