Cinema Críticas

Crítica: The Silencing (2020)

The Silencing Critica de Cinema

CONTÉM SPOILERS DE THE SILENCING!

Depois do fenómeno de sucesso Game of Thrones ter terminado, Nikolaj Coster-Waldau continua a manter-se fiel a personagens noir, com um toque depressivo e sempre com uma queda para a ação. The Silencing é o seu novo filme e conta com uma história extremamente banal, focando-se num antigo caçador que agora vive isolado num santuário de vida selvagem e, durante uma investigação, alia-se a uma detetive em busca do homicida da sua filha. Claro que há sempre uma reviravolta aqui e acolá para mudar um pouco a perspetiva do espectador mas não consegue sobressair.

The Silencing Critica de Cinema

The Silencing é um filme extremamente vulgar, como muitos outros. É também um caso repetitivo de uma história que, de inovadora, nada tem. Apesar de alguns momentos de tensão estarem bem conseguidos, The Silencing não tem um elemento que seja original ou que se vinque de uma forma precisa para nos agarrar a ele. Claro que Nikolaj Coster-Waldau é sempre um prazer de ver no ecrã, mas mesmo a sua prestação é já aproximada a um noir muito blockbusteriano, com as míticas one-liners catchy e o pesar de uma tragédia passada que o assombra. O registo do ator não é versátil, nem possui uma postura tão forte como outros atores que se consagraram neste género de cinema.

A verdade é que The Silencing não conta com personagens carismáticas, nem a sua narrativa lhe permite fazer um estudo mais aprofundado das mesmas. Vale sim por alguns momentos de tensão que consegue trabalhar bem, utilizando os bosques como uma paisagem desconfortável, geralmente embebidos em neblina. Mas isto não é suficiente para o salvar… The Silencing é demasiado fácil de perceber, demasiado direto ao assunto e demasiado repetitivo na sua fórmula. Não possuir um elemento que o faça ser diferente das restantes obras do género, fá-lo perder-se na imensidão de filmes semelhantes.

The Silencing Critica de Cinema

Portanto, para fãs do ator, certamente The Silencing recupera a saudade, mas não faz com que ele se desprenda das personagens-tipo que tem representado até agora. Aliás, até o torna cada vez mais básico em termos performativos. Mas, a todos os que quiserem espreitar, não é, de todo, um serão chato, já que é um filme curto e que entretém moderadamente.

Leiam outras Críticas aqui.

Título: The Silencing

Título Original: The Silencing

Realização: Robin Pront

Elenco: Nikolaj Coster-Waldau, Annabelle Wallis, Zahn McClarnon, Shaun Smyth, Melanie Scrofano, Hero Fiennes Tiffin.

Duração: 94 min.

Trailer | The Silencing

Comments