Mini-Reviews TV TV

The Baby-Sitters Club – Season Finale – 1ª Temporada

The Baby-Sitters Club Season Finale

CONTÉM SPOILERS DE THE BABY-SITTERS CLUB!

A Netflix ultimamente tem trazido conteúdo bastante interessante e que apele a uma quantidade enorme de públicos-alvos. O mais recente exercício da gigante de streaming é The Baby-Sitters Club, baseada nos livros de Ann M. Martin e um reboot do filme com o mesmo nome de 1995. A história acompanha quatro pequenotas que se tornam amigas depois de criarem um clube de babysitting profissional. À partida, esta pode parecer uma história bastante banal e sem interesse, mas a verdade é que The Baby-Sitters Club é maior que a soma das suas partes e traz-nos precisamente aquele aconchego que tanto precisávamos.

The Baby-Sitters Club Season Finale

O MELHOR:

A série é magnífica em trabalhar as suas personagens e, acima de tudo, os atores que lhes dão vida são absolutamente magistrais.

Liderada por Sophie Grace e as suas compinchas de tenra idade Shay Rudolph, Malia Baker e Momona Tamada, The Baby-Sitters Club é uma aventura repleta de drama e humor nas doses certas para apelar a um público vasto e que se torna irresistível pela sua moral “maior do que o mundo”. E isto porquê? Porque The Baby-Sitters Club utiliza as personagens para transportar-nos para a mente de uma criança e saber como elas vêm o mundo e a perceção que têm de aspetos mais maduros e mais problemáticos do ser humano.

Desde o divórcio, à inclusão de dor quando se vê um familiar em “maus lençóis”, passando pela aceitação de um novo/a companheiro/a para os seus progenitores agora solteiros, até ao reconhecimento dos mais puros sentimentos da nossa espécie como o amor, a amizade e o companheirismo. Na verdade, não falta nada em The Baby-Sitters Club. É um registo significativo, amoroso e extremamente adorável de um conjunto de meninas que vão crescendo e amadurecendo à medida que vão passando pelas situações das suas vidas.

É incrível a forma como nos envolvemos no seu mundo e com elas próprias, partilhando as suas angústias e fazendo recordar-nos de quando tínhamos a sua idade. Esta nostalgia não é “dada de bandeja” como a maioria das séries o fazem, mas surge como algo natural e fluido sem que nos apercebamos. A magia de The Baby-Sitters Club é esta mesmo, e uma que irá encantar todos os espectadores que lhe decidirem dar uma oportunidade.

The Baby-Sitters Club Season Finale

O PIOR:

Sente-se que a série podia ir um pouco mais além, dado que os episódios são curtinhos e a temporada é composta de 10 episódios.

É daqueles casos em que a temporada podia ser um pouco mais alongada para nos tornar ainda mais aficionados a ela, porque, no fundo, sabe um bocadinho a pouco. No entanto, não há nada de negativo propriamente dito relativamente ao desenrolar da ação ou do crescimento das personagens. Elas são magníficas e conquistam-nos logo no primeiro momento.

Portanto, este fim-de-semana, deliciem-se com as vossas novas heroínas que podiam ser todos nós numa idade muito jovem, e que são absolutamente extraordinárias.

The Baby-Sitters Club Season Finale

Estado da Série: STAND-BY

Leiam outras Mini-Reviews aqui.

0 85 100 1
85%
Average Rating

The Baby-Sitters Club é uma das séries mais valiosas e adoráveis do ano, com todos os elementos que precisamos para nos sentirmos investidos na sua ternurenta história, onde o elenco ajuda a trazer a série a um novo patamar.

  • 85%

Comments