Mini-Reviews TV TV

9-1-1 – Season Finale – 3ª Temporada

PODE CONTER SPOILERS DE 9-1-1!

9-1-1 continua a surpreender pela positiva. Complexo, agradavél e viciante, o drama de Ryan Murphy é uma das suas melhores e mais interessantes produções, o que se pode verificar temporada após temporada, episódios após episódio.

O MELHOR

O lado mais positivo da série continuam a ser os casos de emergência com que a Estação 118 é confrontada. Alguns brilham pela emoção, pela forma como nos deixam colados ao ecrã; enquanto outros são demasiado hilariantes para não resistirmos a umas boas gargalhadas.

A necessidade de Ryan Murphy introduzir casos baseados em histórias veridicas é também um fator atractivo para os fãs. Por exemplo, no episódio 15, da 3ª temporada, “Eddie Beggins”, assistimos ao resgate de uma criança que caiu num poço abandonado e ficou preso a vários metros da supreficie.  Isto recorda-nos o caso de Julen, a criança espanhola que, em janeiro de 2019, se encontrou na mesma situação. No entanto, ao contrário da série, a história de Julen não teve um final feliz.

No entanto, tivemos a oportunidade de conhecer o passado de Eddie (Ryan Guzman), desde o momento em que descobriu que ia ser pai até à sua decisão de se mudar para LA com o filho. E deixem-me que vos diga, se já admirava esta personagem, agora ainda o faço mais.

Já Buck (Oliver Stark) continua a ser a alma da série. Entrou esta temporada com o pé esquerdo, é verdade, mas assistimos – não só ao longo desta temporada, mas dos ultimos três anos – a um enorme crescimento do irmão de Maddie (Jennifer Love Hewitt).

No season finale tremi um pouco ao pensar que ele ia cair novamente nos encantos de Abby, depois fiquei em pânico a imaginar que ele ia voltar a ser o miúdo impulsivo que era, para finalmente respirar de alívio e orgulho ao vê-lo tomar a decisão mais responsável e a atitude mais adulta.

Athena (Angela Bassett) também nos presenteou com uma prestação impecavel (como sempre) durante esta temporada. A sua perseguição do violador em série, o confronto entre os dois e a sua postura após sair do hospital, provaram mais uma vez que Bassett é uma atriz de um calibre estrondoso. Apesar de adorar a personagem, mal posso esperar por ver como mulher de Bobby (Peter Krause) reage ao regresso ao trabalho durante a próxima temporada.

Por fim, a decisão de Hen (Aisha Hinds) de perseguir uma carreira em medicina é verdadeiramente inspiradora e prova-nos que nunca é demasiado tarde para seguirmos os nossos sonhos. Espero que isto abra um novo leque de oportunidades para a série e que seja possível seguir a jornada de Hen, em vez de a atriz abandonar o elenco principal.

Ah! Não podemos esquecer! Vêm aí o bebé de Maddie e Chim (Kenneth Choi)! Já estão a imaginar as situações hilariantes que estão para vir, certo?

O PIOR

Apesar de gostar de conhecer um pouco mais do passado de Eddie, de o adorar ver como pai e da amizade dele com Bucky, não posso deixar de desejar um pouco mais para esta personagem. Gostava de ver Eddie num outro contexto e afastar certos rótulos que já o começam a caracterizar.

Em suma, 9-1-1 está num bom caminho para se tornar numa das mais icónicas e poderosas séries da televisão. É sem dúvida a melhor criação de Ryan Murphy e esperamos que não caia na rotina e previsibilidade.

Estado da Série: RENOVADA

Leiam a nossa Mini-Review anterior de 9-1-1 aqui.

0 85 100 1

85%
Average Rating
  • 85%

Comments