Cinema Críticas

Crítica: The Cove (2009)

The Cove Crítica de Cinema

PODE CONTER SPOILERS DE THE COVE!!!

Existe uma grande abundância de documentários sobre a vida natural que até se torna fácil de perder a conta. Existem imensos que tendem a mostrar as maravilhas que podemos encontrar nos oceanos, nos desertos, nas selvas e afins. No entanto, tem havido um maior crescimento de documentários que retratam o lado negro da relação entre os seres humanos e os animais domésticos e/ou selvagens com quem partilhamos o planeta. The Cove é um desses exemplos.

Este documentário de 2009 segue uma equipa de filmagem e diversos especialistas que unem esforços com Ric O’Barry, um ex-treinador de golfinhos e atual ativista, enquanto tentam desmantelar uma operação que ocorre na costa de Taiji, no Japão.

Numa primeira amostra, é difícil de ver The Cove como uma obra de ficção. A forma como está construída depressa nos relembra aqueles thrillers à moda antiga. No entanto, a sua mensagem não podia ser mais do que clara.

Durante uma hora e meia, vemos este grupo de ativistas a tentar desvendar um mistério em torno da baía de Taiji, enfrentando um grupo de pescadores e oficiais do governo japonês pelo caminho. A própria edição de imagem e escolha de filmagem – que saltita entre filmagens contínuas, entrevistas em particular e algumas sequências filmadas em modo noturno e térmico – atira-nos para essa mentalidade que, apesar do seu tema sensível, não deixa de dar uma espécie de intriga e diversão ao ver este documentário.

O documentário conta com alguns testemunhos tocantes pelo caminho, mas o grande chamariz dos testemunhos é o próprio Ric O’Barry. Este revelou ser o trajeto mais surpreendente, passando de treinador na série Flipper para um fervoroso ativista pela defesa dos golfinhos, especificamente na região de Taiji, no Japão.

Aliás, além dos testemunhos, o documentário reforça a ideia de corrupção governamental através da forma como mostra o governo a reagir perante a situação. Claro que se poderia apontar como se fosse da cultura do país, mas a mensagem de The Cove não podia ser mais real e revoltante possível. A sequência final do documentário não podia ser uma maior prova disso mesmo, mostrando uma sequência chocante e traumática para os amantes da vida animal. O facto de isto ser apenas a ponta do icebergue do negócio da caça aos cetáceos, com outros países também envolvidos nesta rede, só aumenta essa sensação de revolta.

The Cove é difícil de ver, especialmente devido à temática retratada. Se mudará das mentalidades das pessoas, está dependente da experiência de cada um. E apesar de haver uma espécie de toque cinematográfico pelo caminho – seja pela vibe à lá thriller ou com um toque de Ocean’s Eleven – a sua mensagem não podia ser mais do que clara.

Podem ler outras Críticas aqui.

Título: The Cove: A Baía da Vergonha
Título Original: The Cove
Realização: Louie Psihoyos
Elenco: Richard O’Barry, Louie Psyhoyos, Paul Watson, Charles Hambleton
Duração: 92 minutos

Trailer | The Cove

Comments