Mini-Reviews TV TV

Little Fires Everywhere – Series Finale – 1ª Temporada

Little Fires Everywhere Series Finale

CONTÉM SPOILERS DE LITTLE FIRES EVERYWHERE!

A nova mini-série da Hulu é tão boa quanto se esperava. Little Fires Everywhere é um conto sobre maternidade, uma fábula sobre aceitação e um drama com twists inesperados e mistérios envolventes. Esta é a história de duas mães, Elena (conservadora e que preenche as medidas do estereótipo de “dona-de-casa” americana) e Mia (uma rebelde, mãe solteira, que tenta fugir de um passado problemático). Ambas colidem de uma forma extrema, assim que começam a desvendar os segredos uma da outras, em conjunto com as suas famílias e das consequências dos seus atos.

Little Fires Everywhere Series Finale

O MELHOR:

Little Fires Everywhere tem uma narrativa linear e vai direta ao assunto.

É também bastante competente em trazer temáticas sociais relevantes para o centro da sua história e não apenas com metodologia ornamental para sustentar o seu ponto de vista. Ganha precisamente porque combina as prestações eletrizantes de Reese Witherspoon e Kerry Washington, e utiliza-as como um veículo de compreensão detalhado (e das opções) de se ser mãe. As personagens são extremamente bem construídas, e o enredo é cativante (ainda que tenha uns percalços aqui e acolá). No geral, Little Fires Everywhere utiliza o seu mote para contar uma história recheada de drama acutilante e tensão que se torna bastante viva através destas prestações.

Há também que destacar que o trabalho argumentativo salienta alguns aspetos sociais extremamente importantes e leva-nos a questionar até que ponto uma mãe está disposta a fazer o que quer que seja pelos seus filhos. Podemos julgá-las? Talvez, mas é precisamente nesta ambiguidade e por dar ao espectador a mensagem de que ser-se mãe é algo muito longe de ser perfeito, mas é um desafio que, independentemente dos “tombos”, é feito com amor e preocupação. Talvez este seja o maior trunfo de Little Fires Everywhere… por colocar a maternidade no epicentro da história que, organicamente, vai-se expandindo e tornando-se cada vez mais cativante.

Little Fires Everywhere Series Finale

O PIOR:

O episódio de origem das personagens principais é um pouco desnecessário e o mistério que se debruça sobre as mesmas devia ser mantido em tempo real e ser utilizado diálogo para sustentar os acontecimentos. Arranjar atores que não são propriamente muito semelhantes com o elenco torna-se estranho e a série não consegue, de facto, subir na escala por querer “despir” estas protagonistas de uma forma abrupta e pouco criativa.

Outra questão é que as crianças que participam em Little Fires Everywhere deveriam ter uma exposição com mais desenvolvimento, sendo que o final ficou demasiado em aberto quando era necessário algumas explicações.

No entanto, Little Fires Everywhere é extremamente competente e entrega aos espectadores aquilo que eles precisam.

Little Fires Everywhere Series Finale

Leiam outras Mini-Reviews aqui.

0 86 100 1

86%
Average Rating

Little Fires Everywhere é extremamente competente e uma aposta ousada e cativante da Hulu, especialmente pela temática da maternidade e pelo mistério envolvido na criação das suas protagonistas.

  • 86%

Comments