Frame by Frame TV Watchmen

Watchmen – 1×06 – This Extraordinary Being

Watchmen 1x06

PODE CONTER SPOILERS DE WATCHMEN!!!

Já vamos a metade da temporada de Watchmen, e a verdade é que nem todos os mistérios pendentes foram propriamente resolvidos. A série tem feito os seus esforços para reverter essa tendência, com o episódio da semana passada a elucidar alguns detalhes sobre um personagem fulcral no presente. O desta semana repete essa mesma façanha, mas não da forma que estaríamos à espera.

No final do episódio anterior, Angela (Regina King) foi apreendida por ocultar detalhes à volta da morte de Judd Crawford (Don Johnson). Num ato de desespero, Angela consome uma garrafa de Nostalgia prescrita para o seu avô, Will (Louis Gossett Jr.). E assim, Angela vivencia, em primeira mão, as memórias mais importante do passado do seu avô.

Watchmen 1x06

This Extraordinary Being é claramente um dos episódios mais distintos que Watchmen nos entregou até agora. Não é exatamente uma grande novidade que possamos descrever este episódio como um “longo flashback“, mas vai mais além do que apenas um recontar de uma série de eventos do passado de Will. Essa ideia de um flashbacks assenta mais através da sua componente mais visual, com o episódio a decorrer em tom de preto e branco, como um filme dos anos 40, com um pouco de cor atirado quando algumas memórias do passado de Will vêem ao de cima.

Mostrar o desenrolar de décadas de toda uma vida pode ser uma tarefa hercúlea, mas é uma que a série cumpre de uma maneira simplesmente espantosa, com transições completamente mágicas e que nos faz catapultar para uma espécie de sonho vivido e surreal. O episódio também conta com algumas músicas retiradas da época e que nos atiram também para a era mais negra da vida adulta de Will.

Watchmen 1x06

Mas mais do que a componente visual, This Extraordinary Being acaba por resolver a maior parte do mistério em redor de Will, desde o momento em que este entrou para a força policial de Nova Iorque até ao momento surreal do episódio de estreia. E o seu trajeto é todo ele pautado pela sua tragédia pessoal.

A narrativa de 2019 tem sido pautada por um claro sentimento racista, mas é algo que nós vemos todos os dias e, por mais que nos choquemos, em nada se comparam com o tratamento que a comunidade afro-americana sofreu durante os anos 30 e 40, décadas em que a comunidade era tratada abaixo de cão e ainda eram alvo de linchamentos em público. É nessa triste realidade em que William se insere, e é impossível não sentirmos uma certa simpatia por ele e pelas suas ações.

Watchmen 1x06

E no entanto, este flashback também nos consegue contextualizar a importância de William neste universo. E o facto de estar associado a um super-herói que, até agora, estava envolto em mistério, mas também estar associado aos Minutemen – o grupo de heróis que precedeu aos Watchmen que mais conhecemos – acaba por ser uma jogada de génio e que acaba por recontextualizar não só a série, mas também a banda desenhada original.

Claro que não clarifica na totalidade o passado de William – aliás, ainda estamos para saber o que une este e a misteriosa Lady Trieu (Hong Chau) – mas para já, é mais um par de mistérios que Watchmen conseguiu resolver. Agora venham os próximos.

Podem ler o Frame By Frame anterior de Watchmen aqui.

0 85 100 1
85%
Average Rating

Watchmen concentra as suas atenções no passado do misterioso William Reeves, e o resultado é um episódio esclarecedor, tocante e chocante.

  • 85%

Comments