Frame by Frame The Flash TV

The Flash – 6×05 – Kiss Kiss Breach Breach

The Flash 6x05

PODE CONTER SPOILERS DE THE FLASH!!!

Esta sexta temporada de The Flash está assente na ideia de que, no final de Crisis on Infinite Earths, Barry Allen (Grant Gustin) terá de morrer, embora não exista necessariamente provas do contrário. Com esta ideia em mente, existe uma questão: como será a série sem o seu protagonista? O episódio desta semana oferece-nos uma espécie de resposta.

Com Barry e Iris (Candice Patton) a embarcar numas merecidas férias, Cisco (Carlos Valdes) fica encarregue da Team Flash. No entanto, o que poderia ser um trabalho simples torna-se ainda mais complicado quando Breacher (Danny Trejo) não só lhe diz que Gypsy está morta, como também lhe pede para encontrar o responsável.

The Flash 6x05

De uma forma geral, Kiss Kiss Breach Breach pode ser visto como um enorme desvio da rota que The Flash está a programar para esta primeira parte da sexta temporada. No entanto, este é um dos poucos casos em que um episódio filler consegue ter algo a dizer ou demonstrar.

Ainda que tivéssemos direito a ver outros membros da Team Flash no ativo neste episódio (more on that later), este episódio pertenceu a Cisco, praticamente. Ainda que o formato da narrativa possa ter sido familiar (ainda que com direito a alguns twists aqui e acolá), serviu para nos relembrar que Carlos Valdes consegue ser bem aproveitado consoante as necessidades da série sem estar ligado ao humor ou ao super-heroísmo. Esta narrativa, que envolveu a morte de uma personagem bem querida da série, revelou-se pessoal para Cisco, no sentido de o fazer crescer especialmente como líder, capaz de tomar as decisões mais arriscadas por si próprio e sem ter de recorrer a super-poderes, algo que, francamente, roubou um pouco do seu charme do início da série quando o tornaram em Vibe. E este também é um dos casos em que a inclusão de Kamilla (Victoria Park) também consegue ser adorável, embora não seja algo de extraordinário.

The Flash 6x05

O episódio ainda conseguiu arranjar um pouco de tempo para passarmos com Nash Wells (Tom Cavanagh), colocando-o numa situação com Joe (Jesse L. Martin) que relembra os chamados bottle episodes. A premissa em si pode já estar mais do que batida na indústria do entretenimento, mas também salva-se por termos uma interação interessante entre os dois homens, com momentos tanto tocantes como bem humorados. Sem mencionar que o episódio também nos dá pistas que certamente vão solidificar a posição de Nash nesta temporada de The Flash.

No entanto, o elemento fraco do episódio residiu, ironicamente, em Ramsey Rosso (Sendhil Ramamurthy). A curta cena pode não ter sido necessariamente má [Caitlin (Danielle Panabaker) a tentar chamar Ramsey à razão? Sign us up!), mas com duas narrativas centradas na Team Flash em si, esta cena simplesmente estava a mais. Claro que o vilão pode ainda sofrer um boost antes da Crisis, mas este episódio não adiciona nada de novo que nós não saibamos.

Podem ler o Frame By Frame anterior de The Flash aqui.

0 76 100 1
76%
Average Rating

Ainda que possa ser considerado como um episódio filler, The Flash dá-nos, esta semana, uma pequena amostra do que a série pode ser sem o seu protagonista.

  • 76%

Comments