Batwoman Frame by Frame TV

Batwoman – 1×04 – Who Are You?

Batwoman 1x04

PODE CONTER SPOILERS DE BATWOMAN!!!

Já não é nenhum segredo que não estou a morrer de amores por Batwoman, e os defeitos já são tão inúmeros que nem preciso de fazer uma lista novamente. No entanto, parece que é já com este quarto episódio que a série já está a começar a entrar nos eixos, por assim dizer.

Com Gotham a ser alvo de uma onda de assaltos, cortesia de Magpie (Rachel Matthews), Kate (Ruby Rose) tenta encontrar um equilíbrio entre a sua vida pessoal e as suas atividades como a nova defensora da cidade. Entretanto, Alice (Rachel Skarsten) faz um ultimato a Catherine (Elizabeth Anweis).

Batwoman 1x04

É mais do que óbvio que Batwoman é uma série que ainda está à procura da sua voz, da sua identidade. Infelizmente, a série, até à data, não teve imensas hipóteses para se poder desenvolver no seu próprio ritmo, mas vai mostrando a sua garra de forma um tanto ou quanto esporádica.

Por um lado, temos direito a um crescimento na sua vertente mais humorística, e isso torna-se cada vez mais palpável nas interações entre Kate e Luke (Camrus Johnson), que mostra aquele lado mais procedural, mas também conta com algumas piadas que, felizmente, não roçam tanto no creengy do que estava à espera.

Outro ponto a favor do episódio reside no próximo passo no trajeto de Kate. Quando estamos perante uma série de super-heróis, é impossível não estarmos à espera de ver a parte da “vida dupla”. No entanto, temos direito à posição mais pessoal de Kate neste assunto, muito por causa do seu histórico como homossexual assumida. É um ponto de vista diferente do habitual, e acaba por ser refrescante de certo modo.

Batwoman 1x04

Mas é claro que o episódio também encontra as suas fragilidades pelo meio. Para começar, Magpie. Sim, comparando com a big baddie, até consegue ter uma presença mais agradável. E a sua “sombra” não domina todos os momentos fulcrais do episódio (uma lição que as outras séries de certezas poderiam aprender eventualmente), mas no fim e ao cabo, não passa de uma espécie de rip-off de uma ladra também bastante icónica da mitologia do Batman.

Esta foi a queixa nº 1 (e obrigatório dentro da Arrowverse: os antagonistas sub-desenvolvidos). A outra está relacionada com a presença de Alice no episódio. As suas cenas com Kate, apesar de um tanto ou quanto forçadas, contam com alguns elementos aliciantes dentro desta dinâmica. Infelizmente, o mesmo não se aplica com os restantes Kanes, com interações deveras irrelevantes para o trajeto do episódio e algumas falas cheesy. Valendo o que vale, isto leva Catherine a finalmente a colocar as cartas na mesa. Infelizmente, e apesar das revelações, Catherine ainda tem muito para provar para poder evoluir do estatuto de “rip-off de Moira Queen”.

Podem ler o Frame By Frame anterior de Batwoman aqui.

0 62 100 1
62%
Average Rating

Ainda que continue a ser uma série enfurecedora na maior parte do tempo, Batwoman começa a entrar nos eixos, especialmente no que toca ao trajeto da protagonista.

  • 62%

Comments