Frame by Frame The Flash TV

The Flash – 6×02 – A Flash of the Lightning

The Flash 6x02

PODE CONTER SPOILERS DE THE FLASH!!!

Com o crossover Crisis on Infinite Earths prestes a tomar lugar, só algumas séries é que começam a deixar patente a enorme sombra que paira sobre esse mega-evento. Das várias séries compõem a ArrowverseThe Flash é uma das poucas que não esconde esse potencial, e este episódio espelha isso mesmo.

Face à notícia da Crise a chegar mais cedo – e da sua possível morte no horizonte – Barry (Grant Gustin) tenta encontrar maneiras de contornar o seu destino cruel, ao mesmo tempo que o seu espírito de luta sofre um golpe irreparável. Entretanto, Cecile (Danielle Nicolet) usa os seus poderes para poder defender uma jovem meta-humana; e Killer Frost (Danielle Panabaker) tenta ajustar-se ao seu novo estilo de vida.

The Flash 6x02

Não é exatamente uma novidade vermos Barry a ter uma crise de fé nas suas habilidades como velocista; aliás, sempre serviu de fonte de drama quando a série assim o pedia. Portanto, ainda que este episódio volte a fazer mais do mesmo, a verdade é que este caso pode vir a trazer efeitos mais a longo prazo, muito porque desta vez estamos a acompanhar Barry a enfrentar a sua possível morte na Crise, em favor de milhares de milhões de vidas salvas. Agora, vemos Barry a sentir o peso do Multiverso nos seus ombros, e Grant Gustin volta a impressionar nesse aspeto.

Felizmente, o velocista conta com um sistema de suporte bem poderoso, desde Iris (Candice Patton) a fazer de tudo por tudo para lhe elevar os espíritos, ou o breve regresso de Jay Garrick (John Wesley Shipp) para o ajudar nesta sua senda, acompanhado pela sua mulher, Joan Williams que, na maior das ironias, é interpretada por Michelle Harrison, que já tinha interpretado Nora Allen em episódios anteriores da série. No entanto, a cereja no topo do bolo reside na conversa entre Barry e Joe (Jesse L. Martin), e que consegue ser bastante comovente.

The Flash 6x02

Mas Barry também não foi o único a ter o devido destaque neste episódio. De uma certa forma, Cecile encontra neste episódio um maior foco, uma vez que os seus poderes a colocam numa posição delicada ao defender uma jovem meta-humana acusada de um homicídio que não cometeu. Por um lado, permite dar um pouco mais de utilidade para a personagem fora do humor associado aos seus poderes; por outro, consegue servir como paralelo às falhas que existem no sistema judicial americano; e ainda estabelece um outro antagonista misterioso que certamente fará grandes estragos nesta primeira metade da temporada (temporada essa que foi dividida em duas).

Infelizmente, isto significa que Killer Frost ficou a perder. O episódio encerrou com a personagem a tomar controlo temporário de Caitlin e, assim, estabelecer a sua própria vida. Infelizmente, e embora haja um certo potencial para vermos mais de Killer Frost do que a segunda face de Caitlin, todas as suas ações neste episódio ficaram retidos para segundo plano ou para simples comédia.

E depois temos o caso de Ramsey Rosso (Sendhil Ramamurthy), que aparece de forma um tanto ou quanto esporádica e que nada de relevante apresenta para o episódio ou para a série (pelo menos para já).

Podem ler o Frame By Frame anterior de The Flash aqui.

0 75 100 1
75%
Average Rating

Crisis on Infinite Earths começa a aproximar-se aos poucos, e The Flash já começa a sentir o peso desse mega-evento da Arrowverse.

  • 75%

Comments