Mini-Reviews TV TV

Yellowstone – Season Finale – 2ª Temporada

Yellowstone Season Finale

CONTÉM SPOILERS DE YELLOWSTONE!

Os Duttons estão de volta com novas desavenças que colocam em risco o seu negócio e a sua família. O rancho mais famoso da televisão continua a não estar a 100% mas está, aos poucos, a revelar algumas facetas interessantes enquanto vai gradualmente controlando as suas personagens.

Yellowstone Season Finale

O MELHOR:

Yellowstone é uma experiência visual. Uma que, por muito que nos desagrade nalguns aspetos, é imprescindível não nos rendermos às paisagens e aos planos panorâmicos que ajudam a embelezar ainda mais o cenário já cliché em que a série se insere.

Algumas das personagens, nomeadamente Beth (Kelly Reilly) e Monica (Kelsey Asbille) continuam a melhorar, sendo colocadas em posições delicadas, provando que não são apenas os “homens” que lidam com as tarefas mais árduas do rancho. Aliás, são elas que, nesta temporada, retiram alguns dos melhores momentos.

Os plot twists também ajudam Yellowstone a não ser propriamente aborrecida, ainda que a temática western canse a certa altura. O elenco é fabuloso na sua maioria, mas nem todas as personagens são aproveitadas da mesma forma. Tanto há casos de desenvolvimento, como o de Rip (Cole Hauser) e de Jimmy (Jefferson White), mas a grande lacuna de Yellowstone é precisamente na criação de um enredo mafioso já bastante saturado em algo que poderia escapar um pouco desta realidade da 7ª arte a que estamos habituados.

Yellowstone Season Finale

Voltando à componente técnica, Yellowstone é extremamente competente, já que a direção de fotografia ampla consegue transportar-nos para o rancho como se de uma nova casa se tratasse. A violência também é importante, quase que como um apêndice que a faz distinguir dos restantes westerns modernos. A banda sonora é também fogosa e mantém o espírito vivo que a série precisa para ser profissional no ramo em que se insere.

O PIOR:

É mesmo o enredo que envolve os Duttons e os seus conflitos, bem como a personagem de Wes Bentley que sofreu uma reviravolta completamente descartável.

Apesar de todas as suas qualidades, Yellowstone cai num ciclo delicado de estar a “cismar” constantemente nos mesmos problemas e a criar inimizades constantes e pouco fundamentadas entre os seus rivais. Claro que, para os amantes das conspirações com um toque de cowboys é sempre uma mais valia, mas para quem já acompanha este cenário, quer em cinema, quer em televisão, já nada surge como verdadeiramente original.

Yellowstone Season Finale

Outra questão pessoal que me afeta constantemente é a maneira como a série utiliza os animais que vão aparecendo no ecrã. Pode até ser um retrato fiel aos cânones da vida nos ranchos e na dependência que estas famílias têm do gado, dos cavalos e dos cães que ajudam a manter estável a sua pequena fortuna. Mas há certas questões morais que devem ser avaliadas e, com os recursos existentes neste século, existem certos momentos que poderiam ser digitalizados para não se evitar a utilização de animais vivos nos sets de filmagem. E, em especial, ter um certo cuidado em manuseá-los, sempre com respeito e a zelar pelo seu bem-estar. Esta nota surge apenas de alguém que tem os melhores interesses, quer da arte, quer do bem-estar animal que podem muito bem estarem em sintonia e que em Yellowstone essa linha não é, de todo, transparente.

Mas problemas à parte, é bom que Yellowstone esteja a melhorar em quase todos os aspetos e que a terceira temporada consiga resolver as suas questões de enredo mais triviais ou então a série corre o risco de ser Sons of Anarchy só que sem Harley Davidsons, mas com Mustangs do mais alto calibre, onde os gangues mudam, mas as intenções acabam por ser as mesmas.

Yellowstone Season Finale

Estado da Série: RENOVADA

Leiam a nossa Mini-Review anterior de Yellowstone aqui.

0 70 100 1
70%
Average Rating

Apesar de todos os enredos clichés, Yellowstone tem melhorado no desenvolvimento de algumas personagens e a enriquecer a história com alguns twists engraçados, ainda que tenha um bom caminho ainda a percorrer.

  • 70%

Comments