Frame by Frame iZombie TV

iZombie – 5×10 – Night and the Zombie City

iZombie 5x10

PODE CONTER SPOILERS DE iZOMBIE!!!

iZombie pode estar a léguas do seu auge, mas isso não implica necessariamente que não invista o seu tempo com episódios que podem ser considerados “fora do vulgar”. Night and the Zombie City é um desses casos, uma vez que toma inspiração no género noir.

Neste episódio, Liv (Rose McIver) consome o cérebro de um detetive privado com o intuito de solucionar a sua morte e um mistério em aberto. No entanto, ao mesmo tempo, Martin (Bill Wise) começa a fazer a sua jogada.

iZombie 5x10

Como tinha dito anteriormente, iZombie está a léguas de ser uma das melhores séries do momento, mas não quer dizer que não nos proporcione alguns momentos interessantes durante o seu curso. Este episódio é um desses casos, que usa – e abusa – do contexto noir. E isso é palpável durante uma boa porção do episódio, seja pela escolha de um “filtro de Instagram” com semelhanças com a filmagem a preto e branco, pela escolha curiosa da banda-sonora, que nos atira para aqueles filmes a preto e branco dos anos 40 ou na própria Liv que, mais uma vez, se assume como um estereótipo desse tipo de género neste episódio.

No entanto, esta inspiração também não resume à estética. Por uma vez, a narrativa não se torna tão aborrecida como dantes. O que começou como mais um assassinato transforma-se numa caça aos gambuzinos, especialmente a partir do momento em que Blaine (David Anders) mete o nariz onde não é chamado. E mesmo o próprio desfecho não podia ser mais imprevisível, saído mesmo de uma aventura noir, especialmente devido ao facto de vir assim do nada.

iZombie 5x10

Ainda que a mudança estética e da narrativa ajudem a enaltecer iZombie numa temporada final que tem deixado bastante a desejar, a verdade é que o episódio teimou em usar e abusar dos seus defeitos e falta de lógica que têm atormentado a temporada e a série. Os maiores oponentes fizeram as suas jogadas, tivemos algumas reviravoltas e afins, mas não deixam de cair no exagero ou no ridículo. Considerando que se trata de iZombie, nem devíamos estar assim tão surpresos.

Podem ler o Frame By Frame anterior de iZombie aqui.

0 62 100 1
62%
Average Rating

iZombie ganha uma lufada de ar fresco ao buscar inspiração no género noir, mas nem isso chega para salvar o episódio das suas constantes falhas.

  • 62%

Comments