Frame by Frame Lucifer TV

Lucifer – 4×01 – Everything’s Okay

PODE CONTER SPOILERS DE LUCIFER!!!

Oh, Lucifer, how we’ve missed you!

A história de Lucifer fora do ecrã revelou-se como uma verdadeira telenovela mexicana. A série, apesar de não ser propriamente uma vencedora de audiências, teve direito a uma legião de fãs sem precedentes. Ainda assim, a FOX escolheu cancelar a fan favourite, o que despoletou vários fãs à volta do globo num movimento denominado #SaveLucifer, com o intuito de salvar a série seja de que maneira for, tanto por um canal da concorrência ou num dos muitos serviços de streaming ao dispor das carteiras. O resultado final? Tal como a lenda da Fénix, Lucifer renasceu das cinzas para uma quarta temporada, desta feita pelas mãos da Netflix! E hoje, dia 8 de Maio, a série chegou finalmente aos ecrãs de todo o mundo!

Decorrendo um mês após o terceiro season finale – que concluiu com o cliffhanger em que Lucifer (Tom Ellis) revela a sua Cara de Diabo à Detetive Chloe Decker (Lauren German) – a série retoma com um assassinato de um apicultor, o que leva a uma reunião entre a Detetive e o Diabo mais charmoso da televisão!

Lucifer 4x01

Uma das grandes incógnitas para esta nova temporada residia numa simples questão: agora que é a Netflix a tomar as rédeas, será que teremos algumas mudanças significativas? A resposta mais concreta que podemos conceder neste momento é um nim. Por um lado, temos direito, somente neste episódio, a uma dose maior de violência e de alguns palavrões estrategicamente colocados (aquele quasi-F-Bomb teve um timing perfeito!), o que mostra que Lucifer está mais do que disposta a cometer alguns riscos que não seriam permitidos se tivesse uma transição para um canal de TV de sinal aberto.

No entanto, se adoraram o estilo tradicional da série aquando da sua estadia na FOX, nada temam; Lucifer continua exatamente igual a si mesma. Continua a ser uma série criminal bem ao estilo das outras que costumamos encontrar nos canais já habituais, com a diferença de o protagonista da série ser, efetivamente, o Diabo em pessoa. O seu sentido de humor irreverente e maroto, tal como a interação entre os vários intervenientes principais e secundários da série.

Lucifer 4x01

Claro que com este regresso à fórmula original, temos também o regresso do chamado “caso da semana”, que nem sempre foram exatamente os melhores elementos da série. O caso do assassinado de um apicultor pode não ser exatamente algo chamativo ou original, mas a sua ligação com a Máfia e outros sistemas judiciais acaba por dar algum tipo de entretenimento. Também nos dá aquele fatídico reencontro entre Lucifer e a Detetive Decker, especialmente à luz das revelações do final da terceira temporada. E o resultado final ainda está pendente, com Lucifer a questionar-se a cada momento se a Detetive estará mesmo bem e a mesma a reiterar que sim, mas com algumas sérias dúvidas. Portanto, espera-se uma dinâmica mais complicada do que a que estamos acostumados ao fim de três temporadas.

Mas o episódio não se restringiu apenas a esta reunião, com algumas reuniões também elas pendentes, seja pelo regresso de Amenadiel (D.B. Woodside) e do seu desejo de montar residência em Los Angeles, ou a vontade de Maze (Lesley-Ann Brandt) de se redimir aos olhos da jovem Trixie (Scarlett Estevez), ou mesmo o luto de Dan (Kevin Alejandro) pela morte de Charlotte. São alguns momentos que, apesar de não serem exatamente essenciais, acabam por nos relembrar que alguns membros do elenco são personagens e não meros espectadores dos acontecimentos à sua volta.

Além dos regressos do gang, ainda temos a chegada de uma das caras novas, desta feita do ator Graham McTavish como um padre com um plano estranho em mente. Ainda é cedo para se tecer julgamentos definitivos, mas, considerado que o ator já mais do que habituado a estas andanças (ele já faz de Saint of Killers em Preacher e Dracula em Castlevania), coisas boas não se esperam.

Em suma, Lucifer está oficialmente de regresso com os elementos que o tornaram tão único e também frustrando. Resta esperar para ver o que reserva o resto da temporada.

Podem ler o nosso Frame By Frame anterior de Lucifer aqui.

0 82 100 1
82%
Average Rating

Lucifer está oficialmente de volta pelas mãos da Netflix, e os resultados, embora previsíveis, são mais do que satisfatórios.

  • 82%

Comments