Frame by Frame Supergirl TV

Supergirl – 4×18 – Crime and Punishment

Supergirl 4x18

PODE CONTER SPOILERS DE SUPERGIRL!!!

Esta semana, Supergirl regressou das suas mini-férias para a sua última fornalha de episódios da temporada atual. E acreditem, este episódio conta com vários momentos para ver e rever durante uma boa porção de tempo.

Com a opinião pública voltada contra ela, Kara (Melissa Benoist) e Lena (Katie McGrath) visitam a ex-cela de Lex em busca de resposta, sem saberem que estariam numa dura batalha pela sobrevivência. Ao mesmo tempo, Alex (Chyler Leigh) tenta fazer os possíveis dentro da DEO para tentar dissuadir os esforços do governo de capturar Supergirl. Entretanto, James inicia os seus primeiros passos para resolver o seu problema psicológico, mas acaba por fazer uma descoberta desconcertante.

Supergirl 4x18

Nunca é fácil tentar fazer uma crítica de Supergirl, mesmo nos episódios mais fracos que a quarta temporada nos proporcionou. Embora tudo tenha mudado no curso dos episódios mais recentes, a tarefa continua a não se revelar tão fácil quanto aparenta.

Felizmente, Crime and Punishment deu um pouco de tudo para nos conceder. No caso de Kara, a sua vertente este mais orientada para a ação, cortesia de uma “invasão” à prisão em que Lex se encontrou durante uma boa porção das suas mais de 30 sentenças perpétuas, um local em que todo o tipo de perigo se encontrava à espreita. E grande parte desse perigo nasceu de Otis (Robert Baker), cuja capacidade de dar dores de cabeça aos nossos heróis é apenas equipara pela enchente de referências à cultura pop.

Supergirl 4x18

Já Lena esteve “encarregue” de fazer algumas descobertas referentes ao seu meio-irmão. Numa vista geral, a personagem não teve exatamente muito o que fazer neste episódio, remetendo-se à tarefa de “entrar na cabeça” de Lex e descobrir algumas respostas pertinentes. Ainda assim, existe um certo nível de emoção para ser encontrado neste episódio e Katie McGrath continua a conseguir surpreender-nos quando o material assim o entende.

O episódio tenta capturar a ideia de que as pessoas estarão dispostas a fazerem sacrifícios, mesmo a nível pessoal, para fazerem algo que é o mais correto a fazer. Tivemos alguns exemplos dessa mentalidade, inclusive um conflito interno de Brainy (Jesse Rath), que tem tanto de humorístico como de tocante, mas é Alex que leva a melhor nesta mentalidade, tentado aliciar a General Haley (April Parker Jones) a fazer o que está certo. Ficamos praticamente na expectativa de que as coisas podem não correr bem para o lado de Alex, mas eis que o episódio nos atira para uma surpresa ou duas, inclusive uma visão rara de uma faceta mais vulnerável de Haley.

No meio disto tudo, a narrativa centrada em James acabou por pecar, muito por estar completamente aparte da narrativa oficial. Ainda assim, essa mesma narrativa também nos leva a algumas revelações sobre o estado de saúde de James, o que poderá servir como ponto de viragem para os nossos heróis neste último esforço.

Podem ler o Frame By Frame anterior de Supergirl aqui.

0 76 100 1
76%
Average Rating

Supergirl regressa de um mini-hiato para nos oferecer do que sabe fazer de melhor, ainda que precise de claras melhorias a longo prazo.

  • 76%

Comments