Cinema Críticas

Crítica: Captain Marvel (2019)

Captain Marvel Crítica de Cinema

Marvel. Aquele colosso que deixa todos os fãs de blockbusters a tremer. É quase impossível não se criar expectativas para os filmes que advêm da gigante das adaptações das bandas desenhadas. Especialmente quando estão inseridos no universo cinematográfico de maior “magnitude” até então. Captain Marvel tinha uma missão importante: apresentar uma nova personagem e estabelecer um paralelismo com os acontecimentos de Infinity War. Terá sido bem sucedido?

Captain Marvel Crítica de Cinema

A verdade é uma: Captain Marvel ou se ama ou se odeia. Muito porque absorve as influências humorísticas que estão agora a vigorar neste universo. Tal como Thor: Ragnarok, Captain Marvel, na minha humilde opinião, é um filme para não se levar muito a sério. E penso que esta fórmula ajuda o filme a superar algumas das suas maiores dificuldades, ao permitir que dois atores de grande calibre (Brie Larson e Samuel L. Jackson) trabalhem uma dinâmica natural e uma cumplicidade genuína que floresceu entre os dois durante a rodagem. A ação de Captain Marvel é toda ela fluída e, embora com alguns defeitos óbvios, não deixa de ser um filme empolgante e de aproveitar os seus recursos (em geral) da melhor maneira possível.

Carol Danvers é criada pela raça alienígena Kree, ainda que esteja amnésica relativamente ao seu passado. É apanhada numa guerra entre o povo que a criou e os Skrull, outra espécie que está a causar algum transtorno pela galáxia. Numa operação frustrada, Carol (ou Vers) é enviada para a Terra onde encontra Nick Fury nos anos 90. A partir daqui, os dois embarcam numa aventura para impedir que os Skrulls encontrem uma arma que poderá destruir o mundo como o conhecemos.

Captain Marvel Crítica de Cinema

Captain Marvel é um filme divertido, repleto de humor cheesy e de sequências de ação vibrantes, ainda que peque a certa altura por exagerar bastante em querer parecer “cool” quando não tem necessidade. Apesar de ser uma característica que, a longo prazo, ajuda a película a encontrar um conforto na sua temática, não deixa, por vezes, de testar demasiado os limites do tolerável. Brie Larson surpreende, revelando uma faceta descontraída e impede que a tonalidade mais dramática da sua personagem assuma o controlo na maioria das situações. Isto acaba por fazer com que Captain Marvel não seja melodramático e facilita a relação da protagonista com as restantes personagens que compõem a narrativa. É precisamente no humor que partilha com Samuel L. Jackson que o filme floresce. Os dois criam uma relação magnífica e agarram o espectador precisamente pela naturalidade da sua cumplicidade.

Captain Marvel Crítica de Cinema

Claro que os efeitos visuais chegam a ser exagerados e algumas cenas subjugam-se à necessidade de cumprir uma “magnitude” que está automaticamente associada com a personagem principal. Ainda que isto possa prejudicar o filme no seu todo, não o compromete na sua intenção. Aliás, se há algo interessante em Captain Marvel é o facto de o filme não cair em dramatismos desnecessários e dar tempo de antena suficiente a quase todas as personagens principais permitindo que estas se desenvolvam organicamente. A banda sonora, recheada de temas alusivos aos anos 90, é também ela divertida e nostálgica, fazendo com que as cenas ganhem um impacto prazeroso no espectador.

Ainda que em muitas situações não saiba equilibrar-se devidamente, Captain Marvel é uma aventura cómica, com dois atores soberbos a liderar a narrativa e com uma dinâmica tão natural que se torna contagiante. Ainda assim é preciso reconhecer que a ação, ainda que fluída, toma proporções exageradas nalguns momentos e “empanturram” a película com algumas passagens escusadas. Ainda assim, é um filme para não ser levado com a seriedade de Avengers, e apresenta-se como competente a apresentar uma nova personagem que, esperemos nós, continue a florescer dentro do universo da Marvel.

Captain Marvel Crítica de Cinema

Título: Capitã Marvel

Título Original: Captain Marvel

Realização: Anna Boden & Ryan Fleck

Elenco: Brie Larson, Samuel L. Jackson, Jude Law, Lee Pace, Annette Bening, Clark Gregg, Ben Mendelsohn, Lashana Lynch, Gemma Chan, Djimon Hounsou.

Duração: 124 min.

Trailer | Captain Marvel

Comments