DC Universe's Doom Patrol Frame by Frame TV

Doom Patrol – 1×03 – Puppet Patrol

PODE CONTER SPOILERS DE DOOM PATROL!!!

Já vamos na terceira semana consecutiva em que Doom Patrol chegou ao serviço de streaming DC Universe e, até agora, a série continua a impressionar através do seu humor negro e de oferecer algo diferente do que já estamos habituados.

O grupo começa a investigar algumas verdades sobre o misterioso Eric Morden/Mr. Nobody, com esperança de encontrar o paradeiro de Niles Caulder, desaparecido desde o episódio anterior. Isto leva o grupo a encetar uma road trip desde a Mansão Caulder até Paraguai, o palco que serviu de nascimento de Nobody.

Doom Patrol 1x03

Doom Patrol é uma série estranha, não há volta a dar a essa verdade. Esta é uma das poucas séries de super-heróis que consegue marcar-se pela diferença, especialmente considerando que o mercado televisivo está sobre-saturado de séries do género. Apesar de não ter uma linha narrativa que nos faça prender ao ecrã de uma forma quase religiosa, a verdade é que a série não mostra sinais de precisar disso. Ficamos sempre seduzidos quando vemos este grupo de zé-ninguéns a interagirem uns com os outros de uma forma bastante natural e engraçada, acima de tudo.

No entanto, e apesar de contar com alguns momentos de humor bem claro – toda sequência de Paraguai é absolutamente ridícula ao ponto de ser engraçada de se ver, completa com um espetáculo de marionetas (sim, a série chegou a esse ponto!) e um vilão que roça o tongue-and-cheek, acoplado com os sotaques alemães claramente artificiais – Doom Patrol consegue ser uma série que consegue quebrar até os corações mais duros. E isso não podia ser uma maior verdade com Larry Trainor (Matt Bomer). Embora hajam alguns momentos-chave passados com Cliff (Brendan Fraser) e Jane (Diane Guerrero), o episódio passou grande parte do seu tempo a explorar o passado de Larry, desde o momento pré-acidente de aviação (e que viu o personagem a lidar com os seus problemas familiares e com a sua homossexualidade reprimida) até ao pós-acidente, em que ficou desfigurado e descartou tudo e todos que lhe queriam o melhor. Matt Bomer já demonstrou claras capacidades como ator para além da sua beleza exterior, e o seu passado emocional, juntamente com o seu conflito interno no que toca ao seu “passageiro” negativo ajudam a cimentar o seu nome dentro da série.

Doom Patrol 1x03

Também ajuda que Victor Stone (Joivan Wade) continua a demonstrar um claro à-vontade dentro do grupo. Fica a ideia de que este possui o claro estatuto de líder deste grupo de misfits, mas isso não impede que não saibamos mais sobre o personagem. Além de termos sido presenteados com um flashback que ilustra a relação difícil com a sua mãe momentos antes do fatídico acidente, chegamos à conclusão que este jovem herói ainda está a tentar cimentar o seu próprio nome dentro da comunidade dos super-heróis. As referências a várias entidades como a Liga da Justiça, Batman ou Aquaman continuam a servir como “armas” para lembrar que Vic tem uma fasquia bastante elevada para superar. E isto sem mencionar o punhado de cenas partilhadas entre Vic e Rita (April Bowlby), o que ajuda a solidificar a sua posição nesta série em detrimento de Titans, por exemplo.

Mas nem tudo é perfeito neste episódio, e as ausências de Timothy DaltonAlan Tudyk fazem-se sentir neste episódio. Compreende-se que a busca por Niles Caulder seja o combustível para movimentar Doom Patrol, mas seria ideal que incluíssem Dalton de uma forma ou outra (neste momento, até um pequeno cameo nos flashbacks de Larry seria uma vista ideal). Já Tudyk mostrou-se como o MVP dos episódios anteriores da série, mesmo com a sua função de narrador omnipresente e que consiga interagir com o público (ou seja, nós). Existe uma forte possibilidade de a série estar a guardar Mr. Nobody mais para a frente, mas a sua ausência é bem sentida.

Podem ler o nosso Frame By Frame anterior de Doom Patrol aqui.

0 80 100 1
80%
Average Rating

Mesmo sem a presença de Alan Tudyk ou Timothy Dalton ou mesmo de uma clara linha narrativa, o humor ridículo e as pontadas de drama sentido ajudam a elevar este terceiro episódio de Doom Patrol.

  • 80%

Comments