Arrow Frame by Frame TV

Arrow – 7×12 – Emerald Archer

PODE CONTER SPOILERS DE ARROW!!!

Não existem muitas séries que consigam chegar ao invejável patamar dos 100 episódio, muito menos que continuem a persistir até chegarem aos 200 ou 300. Arrow já teve direito ao seu episódio de celebração de 100 episódios; no entanto, embora tivesse alguns doces momentos, esteve preso por causa do crossover na altura (aliás, até podem ler o que achámos desse episódio aqui). Pois bem, a série chegou ao patamar dos 150 episódios. Não existem muitas séries que celebrem este evento com pompa e circunstâncias, mas Arrow arriscou ao trazer um episódio fora do vulgar nesta semana. E, por incrível que possa parecer dizer isto, acaba por trazer bons resultados!

No episódio desta semana, Oliver (Stephen Amell) e Dinah (Juliana Harkavy) andam no encalço de um vigilante com uma fixação por outros vigilantes. Ao mesmo tempo, William (Jack Moore) tira umas férias da escola privada para visitar a família; no entanto, a sua visita é tudo menos amistosa. E tudo isto acontece enquanto uma equipa de filmagem acompanha quase todos os passos para elaborar um documentário.

Arrow 7x12

Ao longo destes anos, Arrow já nos habituou ao seu estilo tradicional de episódios, seja pela sua shaky cam durante as sequências de ação ou mesmo pelo seu uso e abuso do formato “telenovela”. Dito isto, foi estranho a série, no seu 150º episódio, a apresentar um estilo ligado aos mockumentaries, como se se tratasse de uma mistura entre The OfficeCopsE por incrível que possa parecer, esta pequena técnica (acoplada com os dotes vocais profundos de Kelsey Grammer) acabou por surtir o seu resultado.

As sequências de documentário serviram como combustível para um tema que tem ganho maior força em temporadas recentes da série: os vigilantes. Com certeza que dará origem a longas discussões nos próximos episódios, mas aqui, temos direito a ver alguns relatos na “primeira pessoa” sobre a influência destes fora-da-lei na sociedade de Star City e do peso enorme que esta “profissão” acarreta. A cereja no topo do bolo destas cenas? Amplas oportunidades de vermos alguns dos nossos velhos conhecidos da série, sejam Paul BlackthorneWilla Holland, Caity Lotz ou Joe Dinicol (mesmo Grant Gustin tirou férias de The Flash para este episódio especial!).Arrow 7x12

Mas é claro que este formato não duraria para sempre, e Emerald Archer regressa ao seu estilo tradicional para algumas cenas-chave, seja o confronto do “vilão da semana” (que corre conforme o que já se pode esperar de uma série que ainda não sabe bem como aproveitar bem os oponentes que tem em mãos), ou pelos momentos já dramáticos como manda a tradição… inclusive a discussão do revival da Team Arrow. Já ficou provado em temporadas anteriores que “mais não é necessariamente melhor”, e vimos isso com a Team Arrow a tomar proporções exageradas. Portanto, será uma ideia trazer de volta más ideias? Quem sabe. Valendo o que vale, o novo status quo pode trazer uma nova dinâmica para a série poder explorar melhor. Mas como isto é Arrow, não tenham grandes expectativas.

Já o segmento de William não funcionou assim tão bem conforme o esperado. Não pela falta de bons momentos [os momentos passados com Zoe (Eliza Faria) foram certamente bem passados], mas porque apresenta algumas inconsistências com os flash-forwards que têm tomado conta da temporada. Pode ser que, entre este episódio e o futuro, William possa realmente retomar esse trajeto, mas para já, está tudo nos segredos dos deuses.

Falando nos flash-forwards, estes voltaram a desiludir, desta vez focando em Blackstar (Katherine McNamara). Continuamos a não saber qual é a trajetória exata que a série pretende seguir com esta versão pessimista do futuro, e este episódio torna a não esclarecer essa vertente. Tirando um breve regresso de Joseph David-Jones como Connor Hawke, não há muita ponta por onde se pegar com este curto segmento.

Podem ler o nosso Frame By Frame anterior de Arrow aqui.

0 82 100 1
82%
Average Rating

Arrow tomou um grande risco ao enveredar por um estilo diferente no seu 150º episódio, mas acabou por valer bastante a pena.

  • 82%

Comments