Frame by Frame Supergirl TV

Supergirl – 3×18 – Shelter From the Storm

supergirl 3x18

CONTÉM SPOILERS!

O 9º episódio desta terceira temporada, Reign, mostrou-nos as capacidades da vilã numa luta marcante para a série. Agora que Reign conjuga os poderes das restantes Worldkillers, esperava-se um confronto de igual magnitude, ainda que contra Supergirl (Melissa Benoist) e todos os seus aliados. No entanto, a série começa a enfraquecer Reign pouco a pouco,  jogando com a humanidade de Sam e o kryptonite de Lena (Katie McGrath). As hipóteses de sucesso seriam poucas se o enredo não optasse por esta direção, é certo. Mas não deixa de desiludir um pouco este contraste entre a personagem que vimos quando Reign se revelou e o que vemos agora. Para finalmente controlar Sam, a vilã começa uma verdadeira caça a Ruby (Emma Tremblay) que acaba por ter alguns danos colaterais. Danos esses que não sabem a muito devido à pouca interação que tivemos com a mãe de Sam até aqui, interação essa que nem nos permitiu simpatizar com a personagem. Mas cada vez mais este enredo arrasta Sam para um aftermath muito complicado, se sobreviver, que poderá ser um excelente arco para a quarta temporada.

Kara volta a brilhar não com a sua força física mas com a sua capacidade de sensibilizar os seus adversários. E ainda que essa seja uma das maiores capacidades da personagem e até funcione na série, a vontade de ver Supergirl a libertar-se um pouco e utilizar os seus poderes sem restrições já é muita. Este episódio teve o bónus de permitir a M’yrrn (Carl Lumbly) ajudar um pouco, sendo ele uma personagem sempre bem-vinda ao ecrã.

Destaque neste episódio para as interações entre Lena e Kara, com um diálogo aberto e lógico sobre o kryptonite. às vezes é difícil dar razão a Kara neste tópico, mas finalmente ambas conseguem expor os seus pontos de vista de forma direta e chegar (quase) a um consenso.

Shelter From the Storm teve ainda tempo para se despedir da Legion, mas não do grupo todo. Como seria de prever, Mon-El (Chris Wood) fica para trás, felizmente por decisão de Imra. Se não a voltarmos a ver, Amy Jackson despede-se do papel em força, com uma personagem que conquistou apesar das circunstâncias. E Mon-El sai de toda esta situação sem comprometer a evolução que a personagem teve até agora.

Não é de todo o melhor episódio da temporada, embora pudesse ter sido se se esforçasse um pouco mais com Reign. Temos cinco episódios pela frente para chegar ao ponto alto deste conflito e resolvê-lo de forma satisfatória, ainda com muito para explicar. Cada vez mais duvido que seja feita justiça a Reign mas o nível constante de qualidade da temporada ainda deixa alguma esperança.

0 70 100 1
70%
Average Rating
  • Kara volta a brilhar não com a sua força física mas com a sua capacidade de sensibilizar os seus adversários.
    70%

Comments