Frame by Frame TV Westworld

Westworld – 2×03 – Virtù e Fortuna

Westworld

ESTE ARTIGO CONTÉM SPOILERS!!!

O episódio desta semana de Westworld tem muito que se lhe diga! Está repleto de easter eggs e presságios ou suposições.

Em Virtù e Fortuna, os acontecimentos são rápidos e cruzam bastantes personagens relevantes: conhecemos um parque novo, com a temática dos dias gloriosos do Império inglês, onde se pode caçar numa Índia colonial; Bernard (Jeffrey Wrightcontinua a ter flashbacks da sua missão para resgatar o host Peter Abernathy (Louis Herthum), juntamente com Charlotte (Tessa Thompson); Dolores (Evan Rachel Woodfaz um pacto com o líder dos Confederados, reunindo assim forças para criar um exército; Maeve (Thandie Newtonencontra um fantasma do seu passado durante a jornada em busca da sua filha, acompanhada de Hector (Rodrigo Santoroe Lee (Simon Quarterman).

O episódio abre com um belo jardim que, pelos hosts, arquitetura e banda sonora nos apercebemos de ser situado na Índia. Este é um dos momentos mais esperados de Westworld: conhecermos novos parques! Infelizmente, a experiência é de curta duração, seguindo de imediato para a ação principal no parque de Westworld.

Dolores continua a sua viagem na busca de um exército que consiga fazer frente às adversidades que se aproximam. Esta apresenta-se ao líder dos Confederados como Wyatt e toma posse do Fort Forlorn Hope, uma base militar, e unem forças para derrotar a equipa de assalto enviada pela Delos para recuperar Peter Abernathy, pai de Dolores, que agora se encontra com a host. Dolores também tem Bernard prisioneiro, e partilha algumas palavras com ele, enquanto este tenta perceber o que se passa de errado com Abernathy. Novamente, tenho que dizer que Evan Rachel Wood tem um papel fenomenal e sem falhas como Dolores. É numa cena íntima e pessoal que vemos Dolores a chorar quando enfrentada com o seu próprio pai doente, que já não via à muito, conseguindo a atriz mostrar o lado mais doce e perdido da revolucionária.

O trio de Maeve, Hector e Lee continua a sua aventura para resgatar a filha da host. Após um encontro com alguns nativos americanos, Maeve reconhece um deles como sendo um dos que, numa história passada, a tinha matado, juntamente com a sua filha. Após serem perseguidos, o trio retira-se para uma base subterrânea da Delos, onde Lee troca palavras com Hector numa discussão acessa. Esta cena chamou-me a atenção especialmente por ser Lee a “voz da razão” para Maeve e Hector. Apesar dos hosts não perceberem (ou não quererem perceber), Lee continua a relembrar ambos que são apenas robôs, e que tudo o que sentem é artificial. Apesar de não ser um personagem fisicamente apto, Lee chega a ser um dos personagens mais interessantes da série, fazendo crer que poderá vir a provar que hosts e humanos conseguem viver em harmonia.

Mas como é que Bernard é feito prisioneiro de Dolores? Bem, uma missão de resgate a Abernathy correu mal, e Bernard é feito prisioneiro pelos Confederados, enquanto que Charlotte consegue escapar. Isto lida a um confronto incrível e intenso entre Dolores (agora líder dos Confederados) e Charlotte (liderando a Delos no resgata ao host Peter). Mas o que terá Peter de tão importante que leve Charlotte a arriscar a vida de inúmeros soldados? E o que chocou tanto Bernard após ter descoberto o que escondia Peter nos seus sistemas?

Virtù e Fortuna é fortemente dominado pelo elenco feminino, mostrando-nos Dolores e a sua guerra com a Delos (liderada por Charlotte) e a viagem de Maeve. Conseguimos ver três personagens femininas em posições de respeito e medo, cada uma à frente do seu “exército”. Dolores governa com um punho-de-ferro, Charlotte luta para recuperar um host perdido e Maeve é guiada pelo amor para com a sua filha. O confronto de Dolores e Charlotte é magnífico, uma batalha incrível onde Dolores mostra o seu coração frio e Charlotte o seu intelecto superior. Maeve e o seu grupo, após encontrarem problemas, são salvos por Armistice, antiga companheira de Hector que, mais uma vez, mostra o poder feminino no episódio.

O episódio é quase perfeito, apenas com algumas falhas a nível visual no que toca ao CGI utilizado para criar o tigre. No entanto, a banda sonora continua incrível. Numa das primeiras cenas do episódio – e para os ouvidos mais atentos – podemos reconhecer a música “Seven Nation Army” misturada com instrumentos tipicamente indianos. Poderá esta música querer dizer algo sobre o episódio ou sobre a série? A música poderá servir de um indício para o confronto entre Dolores e o grupo de assalto da Delos, onde a revolucionária mostra o seu lado mais duro, com estratégias brilhantes e coração frio (“A seven nation army couldn’t hold me back“); poderá também referir-se ao número de parques existentes, visto que ouvimos a música durante o primeiro vislumbre de um novo parque (Park 6); ou então as fações que se irão criar na luta pelo parque (até agora conhecemos Dolores/Wyatt, Man In Black, Maeve, Delos e Bernard).

Como não nos pode escapar uma análise à parte mais importante de Westworld, Virtù e Fortuna é um título que, novamente, ilustra perfeitamente o que acontece no episódio. Mas o que significa, e porquê? Virtù refere-se à capacidade de controlar situações e ocasiões por parte de um governante. Fortuna diz respeito às circunstâncias e às necessidades em que um indivíduo se encontra. Virtù trata-se de um valor mais prático, onde se pode utilizar a estratégia para obter e manter poder, enquanto que fortuna se trata da ocasião, ou o tempo preciso, e que um o aproveita da melhor maneira. Juntos, Virtù e Fortuna espelham as ações de Dolores na sua revolta e subida ao poder, durante o episódio.

Desde o puxar do gatilho que acabou com a vida de Ford, a personagem de Evan Rachel Wood debate-se entre a doce Dolores e o maníaco Wyatt. Num momento de fraqueza, Dolores “cai em si” ao voltar a ver o seu pai, mas ao aperceber-se que este não é o mesmo, diz para o seu amado “You’re all I have left now, Teddy.“, o que poderá implicar que o único que sobrevive de Dolores é o amor por Teddy (James Marsden), e que se este se afastar, tudo o que sobra é Wyatt. Esta é uma das premonições do episódio, uma vez que Teddy parece “trair” Dolores ao não executar os sobreviventes dos Confederados. Será que Dolores consegue perdoar Teddy? Irá este fugir? Irá Wyatt deixar esta traição impune?

Virtù e Fortuna fecha com um cliffhanger fantástico, onde vemos o grupo de Maeve a ser emboscado pelo que parecem ser samurais! Será que vamos encontrar um novo parque temático? Com a aparição do “Park 6” (Índia Colonial) será que poderemos assistir a um futuro episódio no Japão Feudal? E será que existem mais parques para além destes? Iremos ter a oportunidade de os ver? E o destino de Westworld? Será o jogo de Ford e Man In Black (Ed Harris) a chave para todo o conflito?

Leiam o nosso Frame by Frame anterior de Westworld aqui.

0 90 100 1
90%
Average Rating

Westworld regressa com um episódio fantástico e repleto de novos mistérios, com mulheres forte na liderança.

  • 90%

Comments