Frame by Frame Marvel's Agents of SHIELD TV

Agents of S.H.I.E.L.D. – 5×20 – The One Who Will Save Us All

Agents of S.H.I.E.L.D.

CONTÉM SPOILERS!!!

Estamos cada vez mais próximos do fim desta temporada de Agents of S.H.I.E.L.D. que, ao que tudo indica, pode muito bem vir a ser a sua última. O relógio começa a tocar, numa corrida frenética para impedir o evento apocalíptico que os nossos agentes testemunharam no início da temporada.

No final do episódio anterior (podem recordar o nosso veredito aqui), Glenn Talbot (Adrian Pasdar) absorveu a totalidade do Gravitonium na posse da S.H.I.E.L.D. Agora dotado de super-poderes, Talbot dá uma boleia a Coulson (Clark Gregg) para terem uma “conversa” com a Confederação.

É caso para dizer que o centro das atenções deste episódio foi Talbot, que teve direito a um novo make-over que nos faz lembrar o vilão Graviton das comics (barbicha incluída). Mas dada a situação mental do personagem, é caso para dizer que já estávamos à espera de tudo e mais alguma coisa desde loose cannon. E Pasdar, para o bem e para o mal, esteve à altura do desafio, ao mostrar o seu Talbot cada vez mais desequilibrado e arrogante graças ao seu power-up. Fica a ideia de que o ex-General da Força Aérea tem tudo para ser uma chave essencial para impedir o cataclismo da temporada, mas também para a causar. A meros episódios do fim, já estamos à espera de todo o tipo de reviravoltas do personagem, o que dá aquele toque de imprevisibilidade.

Por outro lado, na Terra, os agentes da S.H.I.E.L.D. tiveram a amarga missão de “lamber as feridas” e a preparar uma eventual 2ª ronda. Pode não ter tido o mesmo nível de imprevisibilidade como o novo status quo de Talbot, mas não deixa de ter o seu impacto emocional. As grandes peças do episódio foram os conflitos entre Yo-Yo (Natalia Cordova-Buckley)-Daisy (Chloe Bennet) e Mack (Henry Simmons)-Fitz (Iain De Caestecker), que resultaram em trocas violentas de punhos e de linhas de diálogo respetivamente.

No entanto, se há algo que está a pecar em Agents of S.H.I.E.L.D. é a forma como se está a ligar a Avengers: Infinity War. A série já teve direito a alguns tie-ins de peso (o de Captain America: The Winter Soldier ajudou a cimentar a série tal como é conhecida e amada). Infelizmente, este tie-in está a revelar-se que vai ficar-se por meras referências. Na semana passada foram as referências aos eventos iniciais do filme, em Nova Iorque. Esta semana, o próprio Titã Louco, Thanos, teve direito a uma referência direta! Infelizmente, não passou disso, um name drop.

Não se esqueçam de conferir o que a nossa Daniela Oliveira acho de Infinity War aqui.

0 74 100 1
74%
Average Rating

Emoções fortes estão garantidas neste novo episódio de Agents of S.H.I.E.L.D.

  • 74%

Comments