Frame by Frame The 100 TV

The 100 – 5×02 – Red Queen

the 100 5x02

CONTÉM SPOILERS!!!

Depois de um episódio focado em Clarke (Eliza Taylor) e nas personagens em órbita, previsivelmente Red Queen concentrou-se no bunker. Era o grupo que despertava mais curiosidade pelo número de diferentes clãs envolvidos num espaço tão pequeno e pelas opiniões divergentes dos ocupantes. Idealmente, esta temporada dar-nos-ia tempo durante os 13 episódios para explorar as dificuldades nestes seis anos de convivência através de flashbacks, mas Jason Rothenberg tem claramente outros planos. O conflito entre Grounders e Skaikru não tardou a aparecer, com os vencedores do Conclave prontos a recuperar o que ganharam e Octavia (Marie Avgeropoulos) tão levianamente partilhou. Mais uma vez a humanidade bate de frente com a lógica e a sobrevivência; por muito boas que sejam as intenções de Octavia, a sua decisão na season finale não foi de todo bem ponderada. O bunker é uma bomba-relógio sobrelotada, o que seria extremamente interessante se não trouxesse uma sensação de deja vu a todo o episódio. Como as personagens relembram e bem, esta era a mesma premissa em que se encontravam na Ark. The 100 tenta constantemente criar paralelos a decisões anteriores para mostrar a evolução das suas personagens mas, depois de uma temporada ligeiramente repetitiva, seria preferível deixar o passado no passado.

A estrela do episódio é, como seria de esperar, Octavia. No entanto, o seu primeiro instinto de abandonar a posição de liderança que a vitória no Conclave lhe deu não encaixa de todo na personagem. É verdade que sempre foi uma guerreira acima de tudo, mas também teve desde cedo um forte sentido de responsabilidade. Depois de decidir o futuro da humanidade, a série não nos dá o suficiente para compreender a decisão de se afastar do pódio logo a seguir. Mas o enredo obriga-a a voltar e quando o faz o resultado é bastante satisfatório. Marie Avgeropolous continua a não ter a presença de Eliza Taylor ou Alycia Debnam-Carey, mas começa a ficar mais confortável neste papel.

Não seria The 100 sem começar com um estrondo e matar uma personagem no segundo episódio da temporada. E foi a melhor decisão do episódio. Jaha (Isaiah Washington) não tinha mais a contribuir e consegue uma boa morte a proteger a Skaikru.

O episódio não explorou de todo o potencial deste enredo, mas conseguiu introduzir-nos rapidamente ao novo status quo e como as personagens lá chegaram, sem divulgar pormenores do estado atual das personagens e com algumas boas surpresas.

0 77 100 1
77%
Average Rating
  • O episódio não explorou de todo o potencial deste enredo, mas conseguiu introduzir-nos rapidamente ao novo status quo com algumas boas surpresas.
    77%

Comments