Frame by Frame Suits TV

Suits – 7×14 – Pulling the Goalie

Suits

CONTÉM SPOILERS!

Os nossos advogados favoritos estão de volta esta semana, num episódio ameno e com poucos desenvolvimentos. Enquanto Harvey e Mike tentam ajudar uma juíza, Louis vê-se embrenhado mais uma vez nos seus dilemas amorosos com Sheila. Donna alia-se a Rachel para evitar que a empresa descambe, ao passo que novos desenvolvimentos assombram os nossos protagonistas.

Suits tem estas quebras de ritmo com frequência. Pequenos episódios que mais valia, por vezes, não existirem. Pulling the Goalie não é mais do que um pretexto para continuar o crescente (e já incomodativo) dilema de Louis que, sejamos sinceros, nada de original tem. Há uma cisma enorme dos argumentistas em fazer esta personagem recuar com frequência no seu crescimento. Louis é impulsivo, um homem amargurado que, quando vê a oportunidade de tomar uma atitude rebelde, não hesita em fazê-lo. Nem mesmo com a terapia ele vai ao sítio.

Há certas coisas que incomodam nesta altura do campeonato: com a partida de Gina Torres para o seu próprio spinoff e com Meghan Markle e Patrick J. Adams a despedir-se das suas personagens, a temática de Suits vai ficar reduzida. A renovação precoce pode dar origem a demasiados problemas, nomeadamente a narrativa cíclica que está, ainda nesta altura, a provar ser o calcanhar de Aquiles da série.

Se no episódio anterior houve melhorias, neste, os argumentistas deitaram tudo a perder. Em vez de arriscarem em “apalpar novo território”, fazendo-nos desapegar de tudo o que se passou anteriormente, decidem voltar ao mesmo vezes e vezes sem conta.

Já entendemos que Louis não irá melhorar e que a sua vida amorosa irá ser sempre atribulada (se calhar pelo final até já é algo definitivo mas, sinceramente, não estou interessado) e também já percebemos que é só uma questão de tempo até Harvey e Donna finalmente terem o desfecho que todos nós sabemos que vão ter.

Portanto, o que fica para contar? Os casos que vão surgindo estão a perder o fôlego. Já não nos cativam. Estão lá para preencher tempo. Tempo este que seria melhor aproveitado se decidissem dar um desfecho definitivo à série. Mesmo entretendo com a sua boa disposição e leveza, Suits já não tem por onde crescer.

Talvez esteja na altura de se repensar na “máquina de fazer dinheiro” e dar um remate a uma das séries mais carismáticas do século XXI. Não queremos vê-la cair ainda mais no desespero de prolongar uma história tão simples e doce, estragando todos os 7 anos (futuramente 8) em que acompanhamos as vidas destas personagens.

Leiam o nosso Frame by Frame do episódio anterior de Suits aqui.

0 45 100 1
45%
Average Rating

Suits regressa esta semana em baixa forma depois de um bom episódio na semana anterior. O enredo torna-se cíclico e as personagens estão estagnadas no seu meio.

  • 45%

Comments