Mini-Reviews TV O Mecanismo TV

O Mecanismo – Season Finale – 1ª Temporada

O Mecanismo

CONTÉM SPOILERS!

Brasil. Março de 2014. Tem início a Operação Lava Jato, aquele que é a maior investigação de corrupção e lavagem de dinheiro que o país já teve. O nome Lava Jato vem do uso de uma rede de postos de combustíveis e lavagem de automóveis para movimentar recursos criminosos.

José Padilha, um dos maiores nomes do cinema e televisão brasileiro, dá o corpo às balas e arrisca na produção de uma história verídica, mostrando desta vez, a perspetiva da Polícia Federal neste caso que decorre até ao presente. Marco Ruffo (Selton Mello) é um polícia que fica de tal maneira obcecado pelo caso, acabando por ver a sua sanidade mental posta em causa, assumindo aqui Verena (Caroline Abras), a sua colega e aprendiz, o comando da investigação.

O MELHOR

Não deve ter sido de todo fácil criar toda esta trama e elaborar o argumento para fazer a série resultar. Ainda que tudo seja inspirado em factos reais, o certo é que só isso não chegava para “conquistar” e aqui, toda a equipa envolvida, conseguiu tornar a série apetecível, ao recriar cenas icónicas e conhecidas do público que acompanha o caso e, também, trazendo histórias mais romantizadas para chegar a um maior número de pessoas.

A fotografia é lindíssima ao longo da maiorias dos episódios (muito graças às paisagens das várias localizações como Rio, São Paulo, Curitiba e Brasília) e a série acaba por ganhar quando a câmara deixa de ser tão crua e se torna mais intimista e sentimental. Os diálogos são muito bem conseguidos, dando-nos algumas frases e tiradas que dificilmente vamos esquecer.

O que dizer ainda sobre algumas sequências? Wow. Quando as primeiras “vítimas” festejam a ida do caso para o Supremo Tribunal ou ainda quando a polícia consegue prender 12 dos membros do Clube dos 13 (grupo de empreiteiros/empresas envolvidas no esquema), somos brindados com cenas dignas de arrepiar. Isto, aliado a uma banda sonora que flui de acordo com aquilo que a imagem pede.

Outro dos grandes pontos fortes é, sem dúvida, as personagens e o mais incrível é pensar que todas elas são reais, ou pelo menos, inspiradas em pessoas reiais. Óbvio que os maiores destaques são Ruffo e Verena e os atores também têm as melhores interpretações. Selton Mello primeiro estranha-se e depois entranha-se. A partir do momento em que o começamos a entender, depressa vamos criando empatia com aquele homem. E aquele plot twist? Deitei as mãos à cabeça. WELL DONE! 

Abras é uma grande surpresa e consegue chegar a nós através de uma personagem feminina extremamente forte, por quem torcemos durante toda a temporada. No entanto, e para mim, é Ibrahim a melhor personagem. Ainda que o vejamos a maioria do tempo como o “vilão” e torçamos para que se dê mal, o humor e o sarcasmo que Enrique Diaz nos traz, acabam por fazer com que nos divirtamos cada vez que ele entra no ecrã e criemos ligação com ele.

O PIOR

Se estivermos completamente fora do assunto, acaba por ser extremamente difícil perceber realmente o terreno que estamos a pisar. A trama é um pouco confusa e também não perde tempo a dar muitas explicações, parecendo por vezes, que foi feita apenas para brasileiros. Tive necessidade de pesquisar sobre toda a história e o caso e, a partir do momento em que estamos embrenhados em tudo, acaba por começar a fazer sentido na nossa cabeça.

Tirando os protagonistas, não há interpretações que marquem ou sejam inesquecíveis e o número de personagens é tão grande, que é complicado dar profundidade a todas.

Outro dos pontos a apontar é a sensação que a temporada acaba no momento alto. Fica aquele gosto de querer mais, agora que estamos integrados e a descobrir tudo. Acredito que aguentaria mais dois ou três episódios, mas teremos de ficar a aguardar pelo segundo ano.

Ainda que possua algumas falhas e seja complicado entrar dentro deste mundo, O Mecanismo resulta e Padilha traz-nos um drama policial, cheio de reviravoltas que não nos deixa indiferentes. Sabendo já algo do que podemos esperar na 2ª temporada, as expetativas são altas e acredito que limando algumas arestas, teremos um drama fortíssimo e que vai agarrar mais do que os países de língua portuguesa.

0 84 100 1
84%
Average Rating

Ainda que possua algumas falhas e seja complicado entrar dentro deste mundo, O Mecanismo resulta e Padilha traz-nos um drama policial, cheio de reviravoltas que não nos deixa indiferentes. Sabendo já algo do que podemos esperar na 2ª temporada, as expetativas são altas e acredito que limando algumas arestas, teremos um drama fortíssimo e que vai agarrar mais do que os países de língua portuguesa.  

  • 84%

Comments