Frame by Frame Lucifer TV

Lucifer – 3×15 – High School Poppycock

lucifer 3x15

CONTÉM SPOILERS!

Lucifer regressou esta semana mas ainda não foi desta que trouxe consigo a sua originalidade. Desta vez o caso foca-se numa autora de ficção científica, algo que desperta curiosidade em Lucifer (Tom Ellis) para resolver a sua própria falta de criatividade em relação à situação de Pierce. Mais uma vez o enredo principal da temporada desilude, sem um grande vilão ou uma explicação para o que se passa com Lucifer. A personagem de Tom Welling é uma distração sem interesse que começa a tornar-se irritante até quando não está no episódio. O que já também incomoda são os casos constantes com ligações oportunas aos problemas de Lucifer que, se tinham alguma piada na primeira temporada, agora só nos levam a questionar porque é que a personagem é sequer útil às investigações.

Desta vez Chloe (Lauren Germanfoi o ponto alto do episódio (finalmente). O seu passado como atriz na adolescência roubou-lhe os momentos de diversão que todos tivemos, levando-a a ser particularmente entusiasta com este caso. O ambiente de drama de escola secundária trouxe um toque especial ao episódio, sendo que é sempre bom ver mais destas facetas inesperadas de Chloe em contraste com um Lucifer concentrado no caso.

Em paralelo, o trio amoroso de Amenadiel (D.B. Woodside), Maze (Lesley-Ann Brandt) e Linda (Rachael Harris) foi finalmente abordado. A química entre D. B. Woodside e Rachael Harris traz momentos bonitos ao episódio mas é com a entrada emotiva e agressiva de Maze que o enredo realmente tem algum interesse. As duas atrizes tiveram momentos bastante agradáveis durante o episódio e o foco na sua amizade, ainda que traga um drama previsível, é refrescante.

Por fim, esta semana volta a dar destaque à relação de Chloe e Lucifer com momentos que seriam românticos não fosse a persistência dos argumentistas em arrastar a relação. Este will they won’t they é repetitivo, já foi visto em todas as séries do género e está aos poucos a matar tudo o que foi em tempos apelativo nas personagens e na dinâmica que têm.

Foi assim mais um episódio com as suas qualidades mas sobre o qual acaba por não haver muito de novo a dizer.

0 64 100 1
64%
Average Rating

Comments