Frame by Frame Marvel's Agents of SHIELD TV

Agents of S.H.I.E.L.D. – 5×08 – The Last Day

Agents of S.H.I.E.L.D.

CONTÉM SPOILERS!!!

Este foi um dos episódios mais parados para Agents of S.H.I.E.L.D.essa é a mais pura das verdades. No entanto, há que dar o mérito de tentar dar algumas respostas para os mistérios pendentes.

Coulson (Clark Gregg) e companhia limitada chegam à Terra, onde são bem-vindos pelo líder do grupo, Samuel Voss (Michael McGrady) e pela vidente Robin (Willow Hale); Mack (Henry Simmons), Yo-Yo (Natalia Cordova-Buckley) e Flint (Coy Stewart) tentam salvar os humanos do Farol das garras de Kasius (Dominic Rains) e da sua trupe de Krees. 

Como já têm vindo a reparar nas últimas semanas, o futuro dos agentes não lhes parece risonho. E, à primeira vista, este episódio decerto não ajudou a atenuar a gravidade da sua situação atual. No entanto, pode-se dizer que, pelo menos, já apareceram algumas respostas concretas sobre uma possível saída daquele tormento inacabável e, potencialmente, salvar toda a Humanidade. Apesar de as respostas concedidas serem mais confusas, a verdade é que já introduz uma finalidade para os nossos Agents of S.H.I.E.L.D.

Os amantes da ação da série também tiveram direito à sua boa dose de ação nesta semana, com Mack, Yo-Yo e Flint a procurarem pelas armas que Fitz (Iain De Caestecker) deixara no Farol no passado. Armas essas que, convenientemente, estão no Nível 3. E mais conveniente ainda, está infestada de roaches. Começa então uma operação para procurar as armas e de tentar limpar a estação dos roaches, coagidos pelos Kree a atacarem os sobreviventes da estação. Também houve direito a algum humor pelo meio neste enredo, especialmente no que se toca à lógica em volta da Shotgun Axe de Mack. 

Mas, se há alguma personagem que tenha merecido destaque esta semana, foi Robin. É de partir o coração como esta clarividente pode estar com problemas em distinguir o que vê como passado, presente e futuro, o que talvez a torne mais senil. Mas o episódio também teve direito a algumas cenas de flashbacks, desta vez com Robin em vários estágios da sua vida a testemunhar a queda de S.H.I.E.L.D. que viria a dar origem ao problema cataclísmico do futuro. Também partiu o coração ver cada agente da S.H.I.E.L.D. a desmoronar-se aos poucos. Mas salva-se por um lado surpreendente de May (Ming-Na Wen) a tomar uma postura mais materna que o habitual. Felizmente o episódio consegue demonstrar o contexto nos minutos finais. 

Apesar de oferecer algumas respostas concretas, as várias situações presentes no episódio não deixam de parecer mais complicadas que o habitual. Por exemplo, apesar de saber-se das consequências das suas ações, porque é que as tomam na mesma? Existe alguma finalidade de tentar alterar os nossos próprios destinos em prol de um futuro melhor? Quem diria que Agents of S.H.I.E.L.D. conseguisse fazer-nos questionar sobre este dilema e da possível futilidade de tentar alternar o nosso destino caso saibamos qual será o seu desfecho.

Podem a nossa crítica ao episódio anterior aqui.

0 76 100 1
76%
Average Rating

Embora não sendo necessariamente o melhor episódio da temporada até agora, este episódio já mostra os próximos passos para os vários intervenientes.

  • 76%

Comments