Frame by Frame The Flash TV

The Flash – 2×06 – Enter Zoom

The Flash

Zoom é o nome que mais tem aparecido ao longo da temporada. Já se ouviram as histórias dos seus feitos. Já se ouviram descrições sobre o pesadelo que é. Mas até à altura, foi tudo basicamente contos por palavras. Enter Zoom mostra o vilão finalmente em ação. E não desapontou.

Foi bom ver que Zoom correspondeu/superou a reputação que lhe precedia. As cenas de ação em que participou – e que consistia basicamente no ato final do episódio – provaram que Barry (Grant Gustin) não está à altura do vilão. Além disso, Tony Todd está absolutamente assustador como a voz maléfica do mais novo aspirante a “homem mais rápido do mundo”.

Apesar de Zoom “assombrar” o episódio inteiro, também houve momentos a destacar. Durante uma boa parte do episódio, tornou-se basicamente de magicar um plano para impedir o vilão. Mas para isso, precisava-se de um isco. Isco esse que assumiu a forma de Linda Park (Malese Jow). Depois de se tornar apenas num interesse romântico de Barry na primeira temporada, Linda assumiu um papel mais central na semana passada, uma tendência que felizmente se manteve neste episódio. Melhor ainda, desencadeou um par de cenas que serviram mesmo como comic relief.

Os flashbacks marcaram uma visita de regresso à Terra-2, que ainda concedeu um par de piscadelas ou twists. Mas serviram apenas dois propósitos: 1) mostrar a “relação” entre Harrison Wells (Tom Cavanagh) e Zoom; e 2) apresentar Violett Beane como Jesse ‘Quick’ Wells.

Fora isso, os ingredientes a que nos habituámos na série continuam em força e a reforçar a qualidade do episódio. Drama Barry/Joe (Jesse L. Martin)? Check. Piadolas típicas do Cisco (Carlos Valdés)? Check. Desenvolvimentos no casal Allen/Spivott (Shantel VanSanten)? Mais que check.

0 85 100 1
85%
Average Rating
  • 85%

Comments