Frame by Frame Prison Break TV

Prison Break – 5×07 – Wine-Dark Sea

Prison Break

Um dos momentos que mais aguardávamos desde o início aconteceu esta semana. Desde o emocionante reencontro entre Michael (Wentworth Miller) e Sara (Sarah Wayne Callies), à revelação da identidade de Poseidon e até o regresso de um dos personagens mais queridos da série, tivemos direito a quase tudo que podíamos querer neste capítulo.

O nosso protagonista está a morrer e é preciso ajuda urgente. Arranjando maneira de irem para a Grécia, Lincoln (Dominic Purcell) vê em Sara a única solução para ajudar o irmão. Esta parte em viagem sem hesitar e dá-se então o esperado encontro dos dois depois de tantos anos separados. A química deles é inegável mas, apesar das circunstâncias, esperava um pouco mais de emoção. A ideia da transfusão de sangue foi bem conseguida, mas até o beijo de despedida soube a pouco.

O momento em que soubemos quem era Poseidon? Sem surpresa. A expectativa até à revelação da pessoa foi alguma, mas esta nada espantou. Jacob (Mark Feurstein) era o principal suspeito desde muito cedo. Foi no entanto bom percebermos o porquê deste ter traído Scofield depois de o contratar. O vilão apaixonou-se realmente pela médica e queria tirar o seu amado do caminho, transformando-o em Kaniel Outis e mantendo-o em Ogygia. Depois da médica o confrontar e tendo raptado Mike, não sabemos o que podemos esperar.

No que diz respeito à fuga do nosso grupo para casa, depois de recuperado, Michael e os amigos precisam voltar aos Estados Unidos de barco clandestino e quem melhor que Fernando Sucre (Amaury Nolasco) para os ajudar? Foi uma lufada de ar fresco este regresso. Já todos tínhamos saudades do “papi” e a sua alegria e lealdade são contagiantes.

Nesta sequência da viagem, tivemos incríveis cenas de ação que são o ponto forte da série. Desde a invasão do exército da marinha para os capturar até à explosão, eles continuam a lutar pela vida e para alcançar a paz. Ver Whip (Augustus Prew) como parte da “família” é um ponto positivo, pois já nos conquistou, ainda mais neste episódio depois de mostrar um lado mais sensível e vulnerável. Quem também teve uma despedida à altura foi Ja (Rick Yune). Foi justo e merecido o “happy ending”.

A dois episódios de terminar e depois da FOX revelar que não tem intenções de continuar com a série, só espero o melhor. Apesar de se notar um ritmo apressado para despachar a história, confio naquilo que podem fazer para fechar Prison Break com chave de ouro.
Ah, e tragam-nos o T-Bag (Robert Knepper) nos próximos episódios por favor.

0 81 100 1
81%
Average Rating

Dois dos momentos que mais aguardávamos desde o início aconteceu esta semana: o emocionante reencontro entre Michael e Sara e a revelação de Poseidon.

  • 81%

Comments