Frame by Frame Lucifer TV

Lucifer – 1×12 – #TeamLucifer

#TeamLucifer

No penúltimo episódio desta temporada, Lucifer trouxe-nos um caso diferente, que parece servir de introdução a um final de temporada complicado para o Diabo.

Depois da revelação que a presença de Chloe (Lauren German) torna Lucifer (Tom Ellis) fisicamente vulnerável, este procura manter a distância e descobrir se é de facto Chloe quem tem algo a esconder ou se alguém poderá estar a usá-la como uma arma. Para isso usa Mazikeen (Lesley-Ann Brandt) e a sua recente relação com Amenadiel (D. B. Woodside) para espiar no irmão.

O caso desta semana envolve o sacrifício de uma jovem por um culto satânico que deixou nas costas da vítima a mensagem “Hail Lucifer”, levando Chloe a procurar a ajuda de Lucifer. Existe agora alguma tensão entre as personagens, uma vez que Chloe não percebe o comportamento estranho e evasivo de Lucifer.

Este episódio teve vários pontos de interesse para todas as personagens: Lucifer não lida bem com o facto de ver humanos fazer coisas terríveis em seu nome, insistindo que o seu propósito é castigar estas pessoas e não inspirar este comportamento. Chloe tenta lidar com as atitudes estranhas de Lucifer e com a desilusão que é o seu casamento com Dan (Kevin Alejandro). Já Mazikeen vê-se dividida entre os dois irmãos, e vemos a sua lealdade a Lucifer fragilizada.
Um bom regresso foi também o de Trixie (Scarlett Estevez), que proporciona sempre bons momentos de humor. Destaque ainda para a sessão desta semana com Dr. Linda Martin (Rachael Harris) que mostrou alguma vulnerabilidade da parte de Lucifer.

(SPOILERS)

Eventualmente percebemos que estes crimes foram realizados por Malcolm (Kevin Rankin), que claramente está afetado pelas suas “férias” no inferno, como uma forma de agradar a Lucifer. O uso que a série tem dado a uma personagem como Malcolm tem sido bastante interessante: se o curto espaço de tempo que passou no inferno o deixou tão instável, que tipo de personagens podem estar prontas a escapar, agora que Lucifer desistiu do seu papel? Resta-nos também saber até que ponto as ações de Malcolm foram também influenciadas por Amenadiel.

Finalmente podemos também ver um confronto físico entre Lucifer e Amenadiel, que ainda deixou algumas questões em relação ao poder de cada um. Em teoria, Lucifer deveria ser bastante mais forte que Amenadiel, mas cada vez mais parecem bastante equilibrados. Ficamos a saber também que Amenadiel não é responsável pela situação de Chloe, deixando-nos sem respostas.

Embora se tenha focado demasiado em pontos desnecessários da investigação, com os seus momentos de humor, mas também com um lado mais dramático do que os episódios anteriores, esta semana trouxe um bom aperitivo para o final de temporada.

0 80 100 1
80%
Average Rating
  • Demasiado foco em pontos desnecessários mas um bom aperitivo para o final de temporada.
    80%

Comments