Blindspot Mini-Reviews TV TV

Blindspot – Season Finale – 1ª Temporada

Blindspot Season 1

O Melhor: Blindspot destacou-se desde o início pela atenção prestada a cada personagem e à dinâmica entre elas, algo raro em séries deste género. Terminamos a temporada com a sensação de que todas estas personagens, mesmo as mais secundárias, são pessoas reais; vimos os seus pontos fracos e qualidades, aquilo que os incomoda e que os motiva. O elenco é também, na sua maioria, extremamente competente. O visual da série é também diferente do habitual, uma boa mudança tendo em conta a quantidade enorme de policiais. Os casos foram interessantes em geral, mantendo um bom equilíbrio entre o mistério da identidade de Jane (Jaimie Alexander) e os casos da semana.

O Pior: A procura pela origem de Jane, que no início da temporada era cativante e impulsionava o enredo, foi-se tornando cansativa. Cada nova revelação trazia mais perguntas, sendo cada vez menos satisfatória. Ao fim de algum tempo, a série caiu num padrão repetitivo: Jane recusava uma tarefa, era persuadida ou ameaçada e voltava atrás na sua decisão. A personagem foi-se tornando cada vez mais fraca, deixando-se envolver numa teia sobre a qual nada sabia e sem tentar descobrir muito mais.
Embora fossem no geral interessantes, a resolução de alguns casos e a forma como estes eram associados às tatuagens de Jane eram por vezes muito pouco realistas, tornando-se numa distração.

0 75 100 1
75%
Average Rating
  • Boas personagens e dinâmicas prejudicadas por um enredo principal demasiado irrealista.
    75%

Comments